seta

800 postagens no blog

Prefeitura de Penedo e Fundepes assinam contrato para realização de concurso público

13/12/2019 20:25

A tão sonhada estabilidade no serviço público para quem mora em Penedo e região agora ficou mais próxima. Nesta sexta-feira (13), em Maceió, o prefeito de Penedo Marcius Beltrão (PDT), assinou um contrato com a Fundação Universitária de Desenvolvimento de Extensão e Pesquisa (Fundepes), para a realização de um concurso para servidores efetivos do Município.

O ato oficializa mais um compromisso da administração Terra do Desenvolvimento e da Cultura, pautada na excelência administrativa e na governabilidade com transparência. “Estamos terminando o ano cheio de surpresas. Mais uma boa notícia para os penedenses, servidores públicos e Fundo de Previdência de Penedo. Agora é oficial e o contrato foi fechado com a realizadora do tão esperado concurso público”, comemorou o gestor.

O edital deverá ser lançado nos próximos 45 dias, de acordo com a Fundepes, realizadora do concurso. O certame atende mais de 40 cargos, nos níveis médio e superior: Agente de logística e sistema de informação; Agente de trânsito; Agente saúde em endemias; Assistente de governança; Assistente social 30 horas; Técnico de edificações; Auxiliar em saúde bucal; Auxiliar de educação; Auxiliar de transporte; Agente de segurança no trânsito e mobilidade urbana; Biomédico/Bioquímico; Engenheiro Civil; Enfermeiro; Engenheiro do Trabalho; Farmacêutico; Fiscal de postura; Fisioterapeuta 30 horas; Fonoaudiólogo; Médico generalista 40 horas; Médico veterinário; Motorista; Nutricionista; Odontólogo (40 horas); Odontólogo bucomaxilofacial 20 horas; Odontólogo periodontista 20 horas; Odontólogo endodontia 20 horas; Operador de máquinas; Procurador; Profissional em educação física; Técnico agrícola; Técnico em radiologia; Técnico de prótese dentária; Técnico de laboratório; Técnico de enfermagem; Terapeuta ocupacional 30 horas ;Psicólogo 40 horas; Professor de séries iniciais 25 horas; Professor de geografia; Professor de história; Professor de inglês; Professor de língua portuguesa; Professor de matemática; Agente de segurança de trânsito e mobilidade urbana; e Técnico de segurança do trabalho.

De acordo com o prefeito, o Ministério Público e a Defensoria Pública serão oficializadas para que o certame ocorra com total lisura e que todo o processo possa ser acompanhado pelas instituições. “É uma grande satisfação realizar um concurso público de forma séria e eficiente. Será um concurso transparente, por isso vamos mandar expediente ao Ministério Público e a Defensoria Pública. Queremos que todas as etapas possam ser acompanhadas por instituições oficiais, mostrando assim aos candidatos que o certame é limpo e que todos vão concorrer em um concurso íntegro.  Estou feliz em dar mais um passo para realização deste certame. Desde já, agradeço pela confiança de todos e estudem muito”, encerrou o chefe do Executivo de Penedo.

Taxa de isenção

A Prefeitura de Penedo regulamentou a isenção da taxa de inscrição para concursos públicos e processos seletivos. O benefício está regulamentado na Lei Municipal nº 1.678/2019, publicada na edição de 06 de dezembro do Diário Oficial do Município. Estão isentas pessoas desempregadas, em situação de vulnerabilidade social, doadora regular de sangue ou doadora de medula óssea.

Fundepes

A Fundação Universitária de Desenvolvimento de Extensão e Pesquisa (Fundepes) foi criada em 1978 com a finalidade de incentivar e apoiar a pesquisa científica, extensão e cultura em geral, tendo como outorgantes a Universidade Federal de Alagoas, Federação das Indústrias do Estado de Alagoas, Federação da Agricultura do Estado de Alagoas, Federação do Comércio do Estado de Alagoas. A expertise proporcionada pelo planejamento, execução e acompanhamento de projetos resultou no desenvolvimento de metodologia própria. Para atender a demanda, a fundação dispõe de profissionais especializados na elaboração, análise, submissão e formalização, além da execução administrativa-financeira de projetos englobando a aquisição de bens e contratação de serviços de terceiros, importações, realização de processos administrativos, licitações, contratação de pessoal, bolsistas e estagiários.

 

Att., Roberto Miranda

Jornalista diplomado - (MTE/AL - 1331)

seta

Morar Melhor’ vai beneficiar 42 famílias penedenses em sua primeira fase

05/12/2019 19:53

“Proporcionar qualidade de vida para muita gente. Resgatar a dignidade”. Com essas palavras o prefeito Marcius Beltrão (PDT), definiu a finalidade do Programa Morar Melhor – Qualidade de Vida Começa em Casa, lançado nesta quinta-feira (05), no bairro Senhor do Bonfim, também conhecido por Oiteiro. A solenidade reuniu secretários, vereadores, servidores e a comunidade.

A ação tem por objetivo a concessão de material de construção para pequenos reparos e reformas em residências de famílias que se enquadram nos critérios estabelecidos.  “Para essa primeira etapa definimos como prioridade a construção de banheiros em residências que estão em territórios socialmente vulneráveis, e de famílias em situação de pobreza ou pobreza extrema. Serão beneficiadas 42 famílias”, explicou o secretário interino de Desenvolvimento Social e Habitação, Vinícius Barbosa.

O projeto foi instituído por força da Lei nº 1.606/2017, sendo uma promessa de campanha que se tornou concreta. “Agradeço ao Legislativo pela sensibilidade em apreciar a matéria e aprovar. Em votar em um projeto que vai ajudar muito a quem precisa. Esse projeto foi uma promessa de campanha, que não ficou só na promessa. A partir de hoje ele se torna real”, ressaltou Barbosa.

Bastante emocionada, Elizangela dos Santos, 25 anos, agradeceu ao prefeito a iniciativa. “Quero agradecer ao Marcius pela excelente inciativa, em olhar por nós. Muita gente estava precisando desta ajuda e tenha certeza que vai melhorar a qualidade de vida da nossa família, de todos aqui do bairro que serão beneficiados. Estou muito feliz”.

“Essa é uma ação transformadora. É o papel da Ação Social, olhar com carinho e sensibilidade para os que mais necessitam da ajuda do poder público. Não podemos permitir que uma família não tenha em sua casa um banheiro. Isso é dignidade, saúde pública e respeito ao povo penedense. Vamos transformar a vida de famílias inteiras”, encerrou o prefeito de Penedo Marcius Beltrão.

O PROGRAMA

Nesta primeira etapa serão beneficiadas 42 famílias da zona urbana de Penedo, com a construção e, ou reforma de banheiros, contento caixa d’água e fossa séptica. O Programa Morar Melhor – Qualidade de Vida Começa em Casa, lançado na comunidade do Oiteiro, nesta quinta (05), foi instituído pela Lei nº 1.606/2017.

 

Texto de Roberto Miranda

Jornalista diplomado - (MTE/AL - 1331)

 

seta

Marechal festeja Proclamação da República com inauguração de Cisp e Pró-Estrada

14/11/2019 21:21

O governador de Alagoas, Renan Filho, transfere, nesta sexta-feira (15), a sede administrativa do Estado para Marechal Deodoro, na região metropolitana de Maceió. A solenidade de instalação será realizada às 9h no Palácio Provincial (prefeitura), em cumprimento à Constituição Estadual e como parte das comemorações alusivas aos 130 anos da Proclamação da República. Em seguida, às 10h, será inaugurado o Centro Integrado de Segurança Pública (Cisp) da cidade. A solenidade também marca a entrega dos dois quilômetros de vias urbanas pavimentadas e sinalizadas através do programa Pró-Estrada.

Fundada em 5 de agosto de 1591 com a denominação de Sesmaria de Santa Madalena do Sumaúma, Marechal Deodoro foi a primeira capital da província de Alagoas, entre 1817 e 1839. Nesta sexta-feira, o município volta a ser a sede administrativa do Estado. Assinam o ato de instalação o governador de Alagoas e o prefeito de Marechal Deodoro, Cláudio Roberto Ayres da Costa - o "Cacau".

Antes, eles depositam uma coroa de flores em frente ao busto de Marechal Deodoro da Fonseca, em homenagem ao Proclamador da República, e participam do hasteamento das bandeiras.    

Cisp

Após a solenidade, o governador e o secretário de Estado da Segurança Pública, Lima Júnior, inauguram, às 10h, o Centro Integrado de Segurança Pública (Cisp) de Marechal Deodoro. Trata-se da 23ª unidade construída e que será entregue pelo Governo do Estado à população alagoana.

Para a construção, foi investido R$ 1,8 milhão. Os recursos são do Tesouro Estadual e vão garantir uma melhor infraestrutura para os policiais, além de facilitar o combate ao crime na região. Os Centros Integrados tornaram-se referência para a Segurança Pública.

O prédio abriga as polícias Civil e Militar, promovendo uma real integração das duas forças policiais. O Cisp de Marechal Deodoro fica localizado na Rua 18 do Forte de Copacabana, no Barro Vermelho.

Vias urbanas

Ainda durante a solenidade, o governador Renan Filho e o secretário de Transporte e Desenvolvimento Urbano, Mosart Amaral, entregam à população de Marechal Deodoro os dois quilômetros de vias urbanas pavimentadas e sinalizadas, por meio do Pró-Estrada.

O programa, que teve início ainda em 2016, já levou melhorias a mais de 90 municípios em todas as regiões de Alagoas e beneficiou mais de mil dos 1.800 quilômetros totais da malha viária estadual. A meta é alcançar a totalidade até 2022.

Texto de Vinícius Teodósio, Lívia Holanda e Severino Carvalho

seta

Produção agroecológica desenvolvida em Flexeiras é premiada pela Fundação BB

31/10/2019 19:06


 

Premiação certifica tecnologias sociais que contribuem para o desenvolvimento social no país

Numa época não muito distante, a independência financeira para mulheres agricultoras era vista como um sonho difícil de ser alcançado. Apesar de contribuírem com as atividades nas plantações e colheitas, muitas vezes, cabia às mulheres também a responsabilidade dos afazeres domésticos, do tratamento de animais e da criação dos filhos – tarefas que impossibilitavam outras atividades para gerar renda extra e não depender exclusivamente dos proventos garantidos pelo homem da casa. De alguns anos para cá, a realidade no campo mudou. A agricultura familiar se fortaleceu e com ela, o protagonismo feminino vem se destacando pelo país. Um exemplo vem de Flexeiras, no interior de Alagoas, por meio da Cooperativa Agropecuária de Alagoas (Coopaal), que desenvolveu uma metodologia para agregar o conhecimento popular das mulheres da região e, ao mesmo tempo, possibilitar a venda de produtos em feiras da localidade.

Segundo Paulo Rodrigues Agra, diretor-presidente da Coopaal, a ideia começou há pouco mais de três anos, quando se identificou a oportunidade de trabalhar com o beneficiamento de alimentos da sociobiodiversidade local. Nesta ocasião foi construída a Casa de Beneficiamento de Produtos Agroecológicos, para a fabricação de doces e geleias de frutas, além de outros produtos como bolos, pães e biscoitos. “Realizamos cursos com as mulheres da comunidade com a finalidade de escoamento da produção. Atendemos o grupo de mulheres cooperadas que fornecem a matéria-prima e hoje aproximadamente 600 pessoas são beneficiadas diretamente”, explica. 

 

 

A agricultora Júlia da Silva Palmeira (foto), 57, é uma dessas pessoas. Nascida em Santana de Ipanema, no sertão alagoano, ela reside em Flexeiras desde 2010. Nessa época ainda trabalhava na roça, junto ao marido, para a subsistência do casal e cinco filhos. 

  “Antes eu trabalhava só na roça para ajudar com a renda de casa. Plantava macaxeira, principalmente. Depois que comecei na cooperativa a vida melhorou muito. Com a produção de geleia, doces e principalmente do pão caseiro de raízes, consigo uma renda melhor do que antes. Tem uma procura boa nas feiras, porque só trabalhamos com produtos saudáveis ”, avalia a cooperada.

  Primeiro lugar

  A solução “Mulheres Protagonistas no Beneficiamento de Produtos Agroecológicos” foi vencedora do Prêmio Fundação Banco do Brasil de Tecnologia Social de 2019, que identificou metodologias para o protagonismo feminino na gestão da produção agroecológica com a premiação especial Mulheres na Agroecologia. A Coopaal foi premiada com R$ 50 mil, destinados à expansão, aperfeiçoamento ou reaplicação da tecnologia social.

 A premiação deste ano teve a parceria do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Instituto C&A, Ativos S/A e BB Tecnologia e Serviços, além da cooperação da Unesco no Brasil e apoio da Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO), Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD), Ministério da Cidadania e Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC).

Assista ao vídeo para conhecer o trabalho desenvolvido em Flexeiras (AL)

 

seta

Município de São Luís do Quitunde recebe o projeto Vem Ler pra Mim

25/10/2019 19:14

O município de São Luís do Quitunde recebe, de 28 a 31 de outubro, o projeto “Vem Ler pra Mim”, que busca incentivar a leitura de livros infantis brasileiros. Durante o período, artistas e personalidades do estado leem e contam histórias para crianças de escolas públicas com faixa etária de 7 a 9 anos, no Salão Paroquial.  A proposta do projeto é adotado pelo GRUTAL (Grupo Teatral de Alagoas) que pretende transportar a plateia infantil para um mundo diferente.

A partir do dia 28, de 9h40 às 10h40 e de 14h15 às 16h40, os convidados Chico de Assis, Paulo Poeta, Mira Dantas, Maria Terezinha, Isvânia Marques, Fátima Maia, Anobelino Martins, Jane Cássia, Jerfson Tito, Maria Altina e Marciana Cavalcante lerão títulos infantis como O Bode de São Luís do Quitunde, O Sapo Comilão, Tatibitati e os Mitos da Floresta, entre outros. O projeto também conta com a participação de Roberta Rafael, intérprete de Libras.

"Somos parceiros de atividades que incentivem e fomentem a leitura entre as crianças. O livro é instrumento de conhecimento, lazer e formação social", destaca a secretária Mellina Freitas.

A programação segue com os mesmos horários até o dia 31 de outubro, data de encerramento do projeto. A ação conta com o apoio da Secretaria de Estado da Cultura.

Texto de Júlya Rocha

seta

Primeira Edição © 2011