seta

655 postagens no blog

Limoeiro de Anadia fica em primeiro lugar no Ideb 2013

08/09/2014 12:33

O compromisso assumido pelo prefeito de Limoeiro de Anadia, Marlan Ferreira, de garantir a melhoria dos índices educacionais do município vem apresentando bons resultados ao longo dos últimos cinco anos. Apesar do péssimo desempenho do Estado no quesito qualidade da educação, Limoeiro conquistou o primeiro lugar no Índice de Desenvolvimento da Educação (Ideb) de 2013, com 4.1 pontos para o 9º ano, superando a meta de 3,4 projetada para o período, segundo os dados divulgados no último dia 6 pelo Ministério da Educação (MEC).
 
Na avaliação dos anos iniciais (1º ao 5º ano) o desempenho também foi satisfatório. Em 2013, o município obteve 3.9 e superou a meta de 3.7 previstas pelo MEC para o período. No cômputo geral, que avalia o desempenho do município como um todo, Limoeiro alcançou 3.9 pontos contra os 3.7 previstos pelo MEC.
 
Entre as escolas dos anos iniciais, as que mais se destacaram na avaliação do Ideb foram a Rutemberg Falcão (4.3), Maria Júlia Ferreira de Albuquerque (4.0), Governador Lamenha Filho (4.0) e Pedro Ribeiro (3.1). Nos anos finais, as melhores classificadas foram a Nossa Senhora da Conceição, com 4.1, e a Prefeito Benício Ferreira Reis, com 3.6 pontos.
 
Desde que o prefeito Marlan Ferreira assumiu a administração municipal, a Educação em Limoeiro de Anadia deu um salto de qualidade, evoluindo dos 3.4 pontos em 2009, para 3.9 em 2013 (anos iniciais), e de 3.2 para 4.1 (anos finais). O município superou, inclusive, o índice estadual que este ano ficou abaixo da meta de 4.0 projetada pelo MEC, obtendo apenas 3.7 na avaliação de todas as séries. No caminho inverso, Limoeiro superou as expectativas e atingiu 3.9 pontos, enquanto a meta projetada era de 3.7.
 
 
Investimentos - Segundo a secretária municipal de Educação, Glauciane Veiga, os avanços que Limoeiro de Anadia vem obtendo nos últimos cinco anos é fruto do trabalho sério desenvolvido em toda a rede municipal e do compromisso do prefeito Marlan Ferreira em investir pesado na qualificação profissional dos professores, através de cursos de formação continuada e acompanhamento pedagógico, que lhes permitem um melhor desempenho em sala de aula. “Esse esforço conjunto se reflete diretamente no rendimento escolar dos nossos alunos”, disse a secretária.
 
Além da qualificação profissional do corpo docente, a Prefeitura também intensificou os investimentos na melhoria da rede física das escolas, com obras de reforma e ampliação, construção de novas unidades, regularização e ampliação do serviço de transporte e da merenda escolar, aquisição de novos equipamentos e mobiliários e implantação de laboratórios de informática, bibliotecas e outras ferramentas.
 
O prefeito Marlan Ferreira comemorou os resultados, ressaltando que tudo isso é fruto do esforço coletivo de toda a equipe da Secretaria Municipal de Educação, que vem ajudando a Prefeitura a melhorar cada vez mais os índices educacionais da cidade.
 
O prefeito de Capela, Eustaquinho Moreira; o secretário de Educação do município, Petrúcio Wanderley, e de várias outras cidades alagoanas fizeram questão de parabenizar o prefeito Marlan Ferreira e a secretária Glauciane Veiga pelo excelente desempenho de Limoeiro de Anadia no Ideb 2013.
seta

Desfile de 7 de setembro gera expectativa em Porto Calvo

05/09/2014 12:37

Alunos, professores e a população portocalvense já estão vivenciando o clima do desfile de 7 de setembro em Porto Calvo e vem gerando uma grande expectativa. Os preparativos para o ato cívico seguem a todo vapor no município do Litoral Norte. O envolvimento das escolas municipais é ainda maior para o feriado de Independência do Brasil. A temática do ato de domingo foi definida em: “Sou brasileiro, filho do Nordeste, não nego minha origem”.
 
Serão dois mil alunos desfilando pelas ruas históricas de Porto Calvo e a expectativa é que milhares de portocalvenses acompanhem o desfile cívico. Serão 11 escolas do município envolvidas no tradicional desfile de 7 de setembro na cidade da Região Norte. A cidade faz um dos principais desfiles em alusão à Independência do Brasil em todo o Estado.
 
A diretora da Escola Municipal de Ensino Fundamental Deputada Ceci Cunha, Berenice Maria da Silva, está com uma grande expectativa. “A Escola Ceci Cunha vem com tudo. Vamos mostrar do descobrimento do Brasil até os dias atuais no desfile. Desde os indígenas até a padroeira do país”, destacou. A instituição de ensino representará toda a nação brasileira.
 
A programação de 7 de setembro começa logo às 6h da manhã com uma grandiosa alvorada de fogos. Em seguida, no prédio da Prefeitura de Porto Calvo têm o hasteamento das bandeiras, execução dos hinos e missa campal. O desfile terá início às 15h da tarde, saindo da Rua Professor Guedes de Miranda e percorrerá as ruas históricas da cidade.
 
O desfile vai contar ainda com a apresentação de seis bandas fanfarras, entre elas estão a Escola Deputada Ceci Cunha; Escola Municipal de Ensino Fundamental Domingos Fernandes Calabar. A Escola Ceci Cunha vai representar todo o Brasil e a Pimentel Prado fica com o Nordeste. As outras nove escolas cada uma representará um Estado nordestino.
 
seta

Barra de São Miguel inicia Oficina II do Projeto Orla

02/09/2014 13:16

Começou nesta terça-feira (2) na Barra de São Miguel, as reuniões da Oficina II do Projeto Orla que voltou a ser discutido no município. Cerca de 50 pessoas participaram da oficina desta terça-feira, na Vila Niquim. As discussões seguirão até a quarta-feira (3), onde serão apresentadas propostas de urbanização da orla, implantação de equipamentos de lazer, bem como estratégias ambientais e atuação de cada um no plano.
 
No encontro desta terça, estiveram presentes, secretários municipais, vereadores, associação dos empresários, barraqueiros, moto taxistas, pecadores, marisqueiras, representantes do IMA, ICMBio, Marinha do Brasil. O grupo de trabalho avaliou alguns temas importantes relacionados à orla do município, como a urbanização, ocupação com marinas, esportes náuticos, pesca de subsistência. Os presentes analisaram os tópicos e propuseram medidas a serem adotadas para solucionar problemas como construções irregulares, lixo, desmatamento, pesca predatória etc.
 
O objetivo do Projeto Orla é disciplinar o uso e a ocupação da orla, garantindo a preservação do meio ambiente e o acesso a áreas comuns de uso da população. As oficinas são orientadas por técnicos do Ministério do Planejamento, Ministério do Meio Ambiente, Secretaria Municipal de Recursos Hídricos e Secretaria Municipal de Turismo.
 
O Secretário Municipal de Turismo da Barra, Eduardo Acioli, deu as boas vindas aos visitantes e destacou a importância de buscar soluções para tornar o município balneário, o local ideal. “Esse encontro é o grande momento de buscar junto com a sociedade, diagnósticos que contribuam de forma positiva para tornar a Barra de São Miguel uma referência como destino turístico. Esse é mais um passo para a conquista da bandeira azul” concluiu Acioli.
 
PROJETO
 
O projeto orla foi criado nacionalmente para propiciar o planejamento e gestão da orla marítima em todo litoral brasileiro, as margens dos rios e os estuários e enfrenta o desafio de lidar com as grandes diferenças existentes entre os muitos municípios brasileiros. Nesse contexto, depara-se com conflitos urbanos e ambientais com reflexos nas áreas públicas e nas praias, definidas em Lei como bens de comum do povo.
 
Os impactos que os territórios litorâneos têm sofrido com o crescimento desordenado de atividades relacionadas ao turismo, lazer, portos, petróleo, aquicultura e pesca, entre outras, tem apontado a necessidade de ações concretas que contribuam para o disciplinamento do uso do solo e dos espelhos d’água, associados ao desenvolvimento sustentável dos municípios. O projeto orla atua na promoção da identificação e solução de conflitos, apresentando-se como instrumento fundamental para a gestão do território litorâneo.
seta

Porto Calvo terá campus da UFAL a partir de 2015

02/09/2014 06:00

O governo federal está investindo R$ 45 milhões na construção do Campus da Universidade Federal de Alagoas (UFAL) em Porto Calvo, região Norte do estado. A universidade ficará localizada a 900 metros da cidade, no bairro de Santo Amaro, em uma área de expansão urbana do próprio município. A obra será iniciada em janeiro de 20015 e deve ser concluída em 2017, mas as aulas começarão já no segundo semestre do próximo ano.
 
As aulas serão ministradas, inicialmente, em escolas escolhidas pelo município. Segundo o prefeito Ormindo Uchôa, a universidade começará com 1.500 alunos e 183 servidores e professores. Entre os 25 cursos que serão ofertados pela universidade, cinco começam no meio do próximo ano e são eles: Engenharia Mecânica, Engenharia Elétrica, Engenharia civil, Matemática e física.
 
A construção do novo campus beneficiará os nove municípios da região e será de extrema importância para o desenvolvimento econômico de Porto Calvo, segundo o secretário de Infraestrutura do município, Alexandre Scala. De acordo com ele, pela experiência de outras cidades que sediam a universidade como Arapiraca e Delmiro Gouveia, a obra restaurará o “status-quo” do município, considerado a “Capital do Norte”.
 
Segundo o secretário, a grande conquista da cidade teve como fator preponderante a doação do terreno para a construção da universidade pelo prefeito Ormindo Uchôa. A propriedade foi escolhida estrategicamente por estar em um polo de desenvolvimento urbano e de fácil acesso da área central da cidade.  A universidade também será beneficiada pela ponte, recém-inaugurada Bau Mariano e pelo anel viário, ainda em construção.
seta

Porto Calvo prepara grande desfile de 7 de setembro

01/09/2014 08:28

Prefeitura de Porto Calvo promete realizar um grandioso desfile cívico no dia 7 de setembro, feriado da Independência do Brasil. A Secretaria Municipal de Educação definiu a temática em: “Sou brasileiro, filho do Nordeste, não nego o meu sangue!”. Serão cerca de 2 mil alunos desfilando nas ruas do histórico município do Litoral Norte.

O desfile cívico de 7 de setembro em Porto Calvo é um dos mais tradicionais de Alagoas e voltou com muito brilho desde 2013. Esse ano o ato promete ainda ser maior. Serão 11 escolas públicas do município participando com muito empenho do feriado em alusão a Independência do Brasil.

A secretária de Educação de Porto Calvo, Maria Lúcia Gomes da Silva, está entusiasmada com a aproximação do desfile. “Serão 2 mil alunos desfilando pelas ruas históricas de Porto Calvo. O foco do desfile é o Nordeste brasileiro, onde vamos explorar nossas culturas, raízes, lendas. Temos orgulho de ter o sangue nordestino. Além de tudo, estamos resgatando o 7 de setembro em Porto Calvo que estava esquecido”, ressaltou.

A programação de 7 de setembro começa logo às 6h da manhã com uma grandiosa alvorada de fogos. Em seguida, no prédio da Prefeitura de Porto Calvo têm o hasteamento das bandeiras, execução dos hinos e missa campal. O desfile terá início às 15h da tarde, saindo da Rua Professor Guedes de Miranda e percorrerá as ruas históricas da cidade.

O desfile vai contar ainda com a apresentação de seis bandas fanfarras, entre elas estão a Escola Municipal de Ensino Fundamental Deputada Ceci Cunha; Escola Municipal de Ensino Fundamental Domingos Fernandes Calabar. A Escola Ceci Cunha vai representar todo o Brasil e a Pimentel Prado fica com o Nordeste. As outras nove escolas cada uma representará um Estado noredestino.

seta

Primeira Edição © 2011