Reitor da Ufal Josealdo Tonholo receberá título de Cidadão Honorário de Alagoas

15/06/2023 12:27

A- A+

Ascom Ufal

compartilhar:

O Plenário da Casa de Tavares Bastos presta mais uma homenagem à Universidade Federal de Alagoas, desta vez por iniciativa da deputada estadual Fátima Canuto, que propôs a outorga do título de Cidadão Honorário ao reitor da Ufal, Josealdo Tonholo. A sessão especial será na próxima segunda-feira (19), às 14h, no Plenário da Assembleia Legislativa do Estado (ALE).

A iniciativa, segundo a parlamentar, visa homenagear e reconhecer a importância do professor e do pesquisador paulista para Alagoas. “O magnífico reitor Tonholo, sem dúvidas já deixou sua marca na nossa terra por tanta dedicação à frente da Universidade Federal de Alagoas. Valorizar ilustres nomes da ciência, pesquisa e academia é necessário. A contribuição do reitor é muito significativa e nada mais justo que a concessão desse título”, afirmou Fátima Canuto.

Professor do IQB e reitor

Nascido em Ribeirão Preto (SP), Josealdo Tonholo é formado em Química pela Universidade de São Paulo (USP), Campus Ribeirão Preto (1988), doutor em Físico-Química também pela USP e pós-doutorado em Eletroquímica na Loughborough University, na Inglaterra. Ele atua como professor titular do Instituto de Química e Biotecnologia da Ufal desde 1993 e ajudou a criar o Núcleo de Inovação e Tecnologia (NIT) da Ufal.

É orientador do quadro permanente dos Programas de Pós-graduação (PPGs) em Química e Biotecnologia do Instituto de Química e Biotecnologia (IQB) da Ufal, da Rede Profnit e da Rede Renorbio. É membro integrante do INCT-INAMI-Instituto Nacional de Marcadores Integrados. Foi diretor da Associação Brasileira de Parques Tecnológicos e Incubadoras de Empresas (Anprotec), no período 2003-2009. Desde 2015 exerce a função de pró-reitor do Fórum Nacional de Gestores de Inovação e Transferência de Tecnologia (Fortec). Desde 2020, Tonholo está à frente da gestão da Ufal, como reitor.

Cidadã honorária

Além da homenagem ao reitor, a professora Marília Goulart também será agraciada com o título de Cidadã Honorária de Alagoas, na mesma solenidade. Ela é docente do IQB da Ufal e atua na área de Química e Biotecnologia, com ênfase em Eletroquímica Orgânica, Bioeletroquímica e Química Orgânica. É graduada em Farmácia pela Universidade Federal de Minas Gerais (1975); com doutorado em Química pela Universidade Federal de Minas Gerais (1983); e pós-doutorados na Inglaterra (Queen Mary College) e Alemanha (Instituto de Química Orgânica (Münster). É coordenadora do Renorbio - ponto focal Alagoas e pertence ao corpo editorial dos Anais da Academia Brasileira de Ciências (desde 2020) e de Biocell.

Em seu currículo, Marília tem registradas muitas produções acadêmico-científicas e também premiações como a Comenda do Mérito FAPEAL e em 2011, o Prêmio Marie Curie, concedido pela Sociedade Brasileira de Química e homenagem 19º Sibiee, em 2013, e o Prêmio Roberto Alves de Lima, outorgado pelo Programa de Pós-graduação em Química e Biotecnologia (PPGQB), em 2018.

Marília Goulart não só coleciona honrarias, mas também faz história na ciência. Em 2021, ela venceu o Prêmio ACS-SBQ Mulheres Brasileiras na Química e foi eleita para a Academia de Ciências.

Serviço

O quê: entrega do Título Cidadão Honorário de Alagoas
Data: 19 de junho
Horário: 14h
Local: Plenário da Assembleia Legislativa, na Praça Dom Pedro II, Centro-Maceió

Link: https://ufal.br/ufal/noticias/2023/6/reitor-josealdo-tonholo-recebera-titulo-de-cidadao-honorario-de-alagoas.

Primeira Edição © 2011