Servidores do Alagoas passam a receber no mês trabalhado

Após 30 anos, mudança histórica ajusta calendário de pagamento

30/04/2021 10:40

A- A+

Agência Alagoas

compartilhar:

O Governo de Alagoas concluiu, nesta quinta-feira (29), o novo cronograma de pagamento dos servidores públicos e, a partir de agora, todo o funcionalismo receberá seu salário dentro do mês trabalhado. Conforme o calendário, a iniciativa também passa a contemplar auditores fiscais, delegados da Polícia Civil, procuradores de Estado, oficiais da Polícia Militar (PM), do Corpo de Bombeiros Militar (CBM) e os servidores que recebem mais de R$ 7 mil de salário líquido.

Iniciada em janeiro por meio da Secretaria do Planejamento, Gestão e Patrimônio (Seplag), a medida foi implementada para todas as categorias do Executivo e incluiu servidores ativos e inativos. Há mais de 30 anos, o maior volume dos vencimentos do funcionalismo era pago apenas no dia 10 do mês subsequente ao trabalho executado. Agora, todos devem receber antes: até o último dia útil do mês.

“Esse é um momento histórico para o serviço público de Alagoas. Com muito planejamento, reafirmamos o nosso compromisso com o funcionalismo e, mesmo em um ano tão difícil como o que estamos vivendo, conseguimos dar mais esse passo em prol da valorização das pessoas que fazem o Estado acontecer”, afirma o secretário titular da Seplag, Fabrício Marques Santos.

De acordo com o secretário, a mudança representa uma antecipação de R$ 266 milhões no fluxo financeiro do Estado, estimulando também a economia alagoana. A iniciativa só foi possível, entre outras coisas, graças ao trabalho desenvolvido em prol da solidez fiscal da máquina pública, atrelado à qualidade do gasto e à otimização dos processos da folha de pagamento.

“É importante pontuar que vamos na contramão de diversos Estados, onde o atraso no pagamento dos servidores é a norma. Além de colocarmos todas as faixas para receberem num mesmo mês, estamos garantindo, também, a reposição salarial de 4,52% para o funcionalismo já em maio. Essas são apenas algumas das medidas que estão compondo o eixo de valorização dos nossos servidores, uma frente que é prioridade para o Governo do Estado”, reforça o secretário do Planejamento.

Primeira Edição © 2011