Prefeitura de Piranhas estuda criação de um festival cultural natalino

10/02/2021 10:22

A- A+

Ascom PM de Piranhas

compartilhar:

O município de Piranhas é conhecido como uma das potências culturais de Alagoas e a nova gestão da cidade promete impulsionar ainda mais o desenvolvimento turístico e cultural apostando na criação de um festival natalino. 

A prefeitura de Piranhas, por meio das secretarias de Cultura e Turismo e de Eventos, já iniciou os estudos, com apoio de especialistas e produtores culturais, para analisar a criação do festival. 

De acordo com Alexandre Durandes, empresário do setor de turismo e consultor na área de produção de eventos, os estudos feitos no município mostraram que o festival trará impactos positivos para o turismo e economia da cidade. 

“Através de estudos e visitas in loco, analisamos e apresentamos dados que mostraram a viabilidade do projeto. Acreditamos que esse festival irá trazer impactos sem precedentes, de forma muito positiva, para toda área cultural do município” afirmou Alexandre. 

Segundo a Secretária Executiva de Cultura e Turismo, Patrícia Brasil, a ideia da prefeitura é buscar o ineditismo unindo a tradição natalina com as tradições do município. “Pensamos em adaptarmos a temática do natal à história de Lampião e Maria Bonita, inserindo no contexto o religioso, o folclore, a música típica, as danças tradicionais, a história, a identidade cultural e as manifestações populares da comunidade piranhense e nordestina”. 

Para o Secretário de Eventos, Diogo Rodrigues, o festival natalino também terá um viés social, integrando as crianças das escolas, os artesãos, as bordadeiras e os talentos artísticos locais, e diversas atividades que serão oferecidas gratuitamente à comunidade e visitantes. 

De acordo com Tiago Freitas, prefeito do município, o evento além de qualificar a oferta turística, também irá aumentar o tempo de permanência do visitante na região e fomentar a economia, a cultura e toda a rede turística que engloba hotelaria, gastronomia, entretenimento e prestação de serviços. 

O Secretário de Cultura e Turismo, Eduardo Clemente, ressalta ainda que o evento deverá ser financiado por meio da Lei Rouanet de Incentivo à Cultura. Não havendo despesas diretas para o Poder Público Municipal, visto a dificuldade orçamentária enfrentada pelas prefeituras durante a Pandemia.

* Natália Cerqueira, Assessoria Prefeitura de Piranhas.

Primeira Edição © 2011