Semscs recupera material furtado de escola municipal

Entre os objetos estão janelas, portões e um elevador.

31/01/2021 12:24

A- A+

Assessoria

compartilhar:

Material furtado da Escola De Ensino Fundamental Radialista Edécio Lopes, localizada no bairro do Pinheiro, é recuperado em ação conjunta da Secretaria Municipal De Segurança Comunitária e Convívio Social (Semscs), Coordenação de Operações de Inteligência (COI), Guarda Municipal e Secretaria Municipal de Educação (Semed), no sábado (29).

O furto foi identificado na segunda-feira (25), em uma fiscalização de rotina nas escolas das regiões com risco de afundamento. Na ocasião, se observou a falta do elevador, dentre outros objetos na escola Edécio Lopes, no Pinheiro.

O Secretário Municipal de Segurança Comunitária e Convívio Social, Thiago Prado, ressalta que essa a recuperação do material é mais uma ação que demonstra a integração entre as secretarias nessa nova gestão. “Todas as secretarias estão em dialogo constante com a Semscs, e sempre que há qualquer fato relacionado a crime, nós estamos sendo acionados, juntamente com a Guarda Municipal e a Coordenadoria de Operações de Inteligência para podermos dar a reposta de imediato, recepcionando demandas para prevenir ações criminosas que venham a prejudicar o patrimônio do Município e dos maceioenses.”, completou.

O Secretário adjunto de governança da Semed, Rogério Lima, fala sobre a ação. “Nós temos cinco escolas na região dos bairros afundados e estamos monitorando. Tivemos a felicidade de, aqui nessa escola, menos diminuir um pouco o prejuízo”, declarou.

Alex Sandro Pereira dos Santos, Secretário adjunto da Semscs relata que as equipe foram acionadas pela Semed sobre o furto que ocorreu na escola. “Segundo funcionários da Semed, havia uma movimentação suspeita em um local em frente à escola e o nosso pessoal da inteligência conseguiu identificar alguns materiais que correspondem com os que foram furtados”, completou.

Uma pessoa foi presa em flagrante pelo crime de receptação e conduzida pela Guarda Municipal para a Central de Flagrantes onde foi realizada a lavradura do procedimento. O material apreendido foi apresentado à autoridade policial e em seguida recolhido ao deposito da Semed.

Primeira Edição © 2011