Defesa Civil orienta para priorização do atendimento via 0800

17/03/2020 17:31

A- A+

Ascom Defesa Civil

compartilhar:

Em decorrência do decreto publicado no Diário Oficial do Município (DOM) desta terça-feira (17), que estabelece recomendações de proteção contra a pandemia do coronavírus, a Coordenadoria Especial Municipal de Proteção e Defesa Civil (Compdec) informa que novas medidas de funcionamento estão sendo adotadas, com o objetivo de evitar a disseminação da doença na cidade.

O atendimento presencial na sede da Defesa Civil, localizada no bairro do Pinheiro, continuará sendo realizado no horário de 8h às 14h, mas a recomendação é de que a população priorize o atendimento através do 0800 030 6205 e apenas procure o órgão municipal em caso de extrema necessidade. A iniciativa leva em consideração a declaração de Emergência em Saúde Pública de Importância Internacional pela Organização Mundial da Saúde (OMS).

Dinário Lemos, coordenador-geral de Proteção e Defesa Civil de Maceió, falou sobre a importância das recomendações. “Estamos passando por um momento em que a prevenção é importante e é crucial que as pessoas entendam os riscos que a exposição pode trazer. A Defesa Civil continuará com o atendimento ao público, mas alertamos que as pessoas apenas compareçam no órgão caso realmente necessite. Nosso 0800 continuará funcionando normalmente”, disse.

O efetivo da Defesa Civil também trabalhará em regime especial, seguindo decreto municipal, e as pessoas que se enquadram nos grupos de risco da doença desenvolverão suas atividades em regime de teletrabalho pelos próximos 15 dias. As equipes de plantão do Centro Integrado de Monitoramento e Alerta de Defesa Civil (Cimadec) continuam trabalhando dentro do Protocolo de Proteção e Ação de Defesa Civil e atenderão os chamados em caso de ocorrência.

O atendimento ao público pelo número 0800 030 6205 funciona no horário de 8h às 18h e na sede da Defesa Civil Municipal – que fica localizada na Rua Cônego João Barros Pinho, 107, no bairro Pinheiro – o atendimento continua sendo feito de segunda a sexta-feira, de 8h às 14h.

Primeira Edição © 2011