Prisão de Lula: Marcelo Tadeu pede que Marco Aurélio cumpra papel de juiz

29/06/2018 12:08

A- A+

A Notícia

compartilhar:

O juiz aposentado Marcelo Tadeu quer que o ministro Marco Aurélio Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF)  não reconheça apenas que a prisão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva é ilegal, mas também que aja em favor de Lula.  A alegação foi enfatizada, depois que  Aurélio disse em uma entrevista à emissora de televisão portuguesa RTP  que  o processo  “não tem capa, mas sim conteúdo”,  considerando a prisão ilegal.

Para Tadeu a afirmação pública da ilegalidade da prisão é importante, no entanto, o ministro não a evitou na época do julgamento.

“Ele poderia expedir um HC (habeas corpus), concedido ex officio, para soltar o ex-presidente Lula. Cumpra seu papel de juiz e solte esse homem preso indevidamente.”, explicou na Rádio Brasil Atual.

Segundo o magistrado, a decisão do ministro Edson Fachin de rejeitar pedido protocolado pela defesa de Lula, é mais uma demonstração de parcialidade. Ele disse ainda que a liderança de Lula nas pesquisas, mesmo no cárcere, evidencia a insatisfação popular em relação à forma como tem funcionado o Judiciário no Brasil.

“A persistir isso, o povo vai marchar em direção a eles. Há uma falsa ideia de que o povo brasileiro é pacífico, pacato, tímido. Mas tudo isso pode chegar ao inverso, essa manutenção desse quadro do ‘não direito’, da quebra da ordem democrática do Brasil, de agredir a Constituição continuamente, vai levar a esse processo.”

Primeira Edição © 2011