Geração de emprego e renda na capital é uma realidade

17/06/2018 18:29

A- A+

Secom Maceió

compartilhar:

Para ampliar o acesso ao mercado trabalho, a Prefeitura de Maceió, por meio da Secretaria Municipal do Trabalho, Abastecimento e Economia Solidária (Semtabes), tem promovido uma série de ações voltadas ao fortalecimento de grupos da Economia Solidária, ao Sine Itinerante e parcerias com grandes empresas, para a geração de empregos e renda na capital.

Este ano, mais de 1.300 vagas de trabalho foram ofertadas nas edições do Sine Itinerante, realizadas nos bairros Pinheiro, Ponta Verde, Conjunto Village Campestre II, Bebedouro e Trapiche da Barra. Ao todo, duas mil pessoas foram atendidas com as ações da iniciativa, que facilita a inserção dos jovens no mercado de trabalho, bem como o acesso a serviços do Sine Maceió.

“Para facilitar a vida das pessoas, levamos o Sine para os bairros e tem funcionado muito bem. Desde o ano passado, mais de dois mil atendimentos foram realizados, o que representa um grande resultado para a capital”, afirmou o prefeito Rui Palmeira.

O gestor também ressaltou os ganhos da inauguração da nova sede do Sine Maceió, que agora funciona no Shopping Popular, no Centro. “Foi um ganho muito grande para a Prefeitura de Maceió e para os comerciantes, que passaram a lidar com um fluxo maior de pessoas no local, o que melhorou a venda dos produtos no Shopping Popular”, pontuou.

Segundo a permissionária do Shopping Popular, Adriana Alves, a chegada do Sine ao local e datas comemorativas ajudam e muito a movimentar as vendas. “Com a instalação do Sine e as festas juninas junto com a Copa do Mundo, o movimento no Shopping Popular ficou mais ativo. O Dia das Mães já foi maravilhoso e com muito movimento”, comemora a vendedora, que ainda ressalta: “nós estamos nos preparando para receber todos os consumidores que estão convidados para visitar os nossos espaços”.

Economia solidária

Ações do Sine Maceió, Feira da Economia Solidária e serviços de ganho profissional para a capital estão entre os investimentos que o Município tem ofertado aos maceioenses. Os grupos da Economia Solidária contam com estrutura ampla e confortável em seus pontos de atendimento. Oferecendo à população produtos artesanais e exclusivos, artesãs permissionárias conseguem agora viver da arte.

Com uma proposta sustentável e diferenciada, as feiras realizadas pelas artesãs cadastradas na Semtabes permanecem com grande visibilidade no Shopping Pátio, no bairro Benedito Bentes, no Maceió Shopping, em Mangabeiras e na loja da Economia Solidária, no Mercado do Jaraguá.

De acordo com a artesã, Ana Soares, participar de feiras itinerantes é a chance de fazer bons negócios. “É sempre bom estar em outros pontos de venda, porque assim podemos apresentar nosso trabalho para um novo público. Além de vender, também recebemos encomendas, conquistamos novos clientes que vão além da feira”, aponta a artesã.

Com bonecas de pano, artigos de decoração, panos de prato, toalhas personalizadas, quadros e acessórios variados, os 24 grupos de artesãs da Economia Solidária se dividem em rodízio e expõem seus produtos nos pontos de venda na capital. Além do artesanato, os grupos alimentícios oferecem uma culinária típica no mercado gastronômico do Jaraguá.

AlmaViva do Brasil

Na busca pelo primeiro emprego, jovens em Maceió têm tido a oportunidade de vivenciar suas primeiras experiências profissionais ocupando vagas de trabalho disponibilizadas pela Prefeitura de Maceió, por meio da união entre o Município e a empresa AlmaViva do Brasil.

Facilitando a intermediação dos candidatos com a empresa, a Prefeitura firmou uma parceira com o Instituto Crescer, que promove a capacitação dos candidatos interessados nas vagas disponíveis. Vitor Gusmão, de 19 anos, participou do curso para concorrer à vaga. De acordo com ele, exercer uma profissão tão jovem é muito importante na caminhada profissional. “Ter capacitação aumenta as chances de conseguir um emprego, sou muito grato a essa parceria, pois, tem contribuído consideravelmente para o meu futuro”, disse.

Desde sua instalação em Maceió, mais de 8 mil pessoas receberam certificado profissional da AlmaViva do Brasil. Sobre a parceria, Rui Palmeira afirmou que as oportunidades abrem as portas do mercado. “A parceria entre a Prefeitura e a AlmaViva representa oportunidades de emprego e qualificação para centenas de maceioenses. Trata-se de um trabalho muito importante, pois muitas dessas pessoas conquistam o primeiro emprego de suas vidas”, afirmou.

Para participar das ações e vagas que a Prefeitura de Maceió oferece através da Semtabes, os interessados devem comparecer ao posto do Sine Municipal que funciona no 2º piso do Shopping Popular, na Rua do Livramento, no Centro de Maceió, com horário de atendimento ao público das 8h às 14h, de segunda a sexta-feira. Mais informações: 3315-6205 ou 3315-6260.

Primeira Edição © 2011