Sabrina Sato aposta em shortinho de crochê em ensaio de Carnaval

22/01/2018 14:44

A- A+

Purepeople

compartilhar:

Sabrina Sato promete agitar a Marquês de Sapucaí, no Carnaval do Rio de Janeiro. Rainha de bateria da Unidos de Vila Isabel, que terá como enredo "Corra, que o Futuro Vem Aí", de Paulo Barrosa, a apresentadora brilhou e mostrou muito samba no pé durante o ensaio de rua da escola, realizado pela agremiação no Boulevard 28 de setembro da zona norte carioca, na noite desta quinta-feira (17). Com produção do personal stylist Yan Acioli, a comunicadora apostou em um cropped e short curto de crochê da fashion designer Andressa Salomone, investiu em sandália Luiza Barcelos e acessórios da marca Divinissima. Noiva do ator Duda Nagle, ela voltou a exibir a aliança do compromisso com o artistadurante desfile.

 

Sabrina pegou pesado com treinos para o Carnaval: 'O corpo já é outro'

Longe de ser "Esquisitona" - como ela se classificou -, Sabrina deixou em evidência sua barriga sarada e pernas torneadas. Ao Purepeople, ela confessou que se atrasou com o preparo físico para a folia no Rio, que acontece no domingo, 11 de fevereiro. "Esse ano estou começando a minha preparação para o Carnaval um pouco atrasada, mas será mais intensa. Faço 37 anos em 4 de fevereiro. Faço aniversário e preciso intensificar porque o corpo já é outro. Vou pegar um pouco mais pesado no treino e dieta direitinho pela primeira vez, para aguentar o pique na avenida também", disse.

 

Apresentadora enumera eventos na folia e garante: 'Consigo levar mesmo na correria'

Em São Paulo, Sato surge como Madrinha de Bateria pela Gaviões da Fiel, mas, além disso, outros eventos estão mantendo sua agenda cheia. "Sou musa do Camarote Número 1, tem o Baile da Vogue, o Baile do Arara e o meu aniversário... E antes disso tudo ainda tenho que gravar o programa para deixar tudo pronto", declarou, afirmando ter tempo para tudo: "Eu durmo (risos). Durmo, como, faço amor. Consigo levar uma vida normal, mesmo nessa correria. Ainda tenho aquela ansiedade da adolescência de ver tudo, de aproveitar tudo, mas o gás não está igual (risos)".

Primeira Edição © 2011