Auxiliar técnico do Uruguai celebra jogo contra a anfitriã Rússia na Copa

01/12/2017 18:23

A- A+

Estadão Conteúdo

compartilhar:

O Uruguai saiu satisfeito do sorteio das chaves da Copa do Mundo de 2018. Nesta sexta-feira, após o evento realizado em Moscou, o auxiliar técnico Celso Otero disse ter aprovado o grupo - com Rússia, Arábia Saudita e Egito -, principalmente pela chance de jogar contra os anfitriões do Mundial. 

"Vamos viver a situação particular de jogar contra os donos da casa e isso tem uma repercussão maior e deve nos beneficiar", afirmou o auxiliar, sem dar maiores detalhes sobre os benefícios do confronto com os russos. Ele lamentou pelo Uruguai não ter a chance de jogar a partida de abertura da Copa.

Na sua avaliação, os russos serão os principais rivais dentro da chave. Mas evitou menosprezar os demais adversários. Ele considerou que o Egito precisou superar uma dura disputa nas Eliminatórias Africanas. "O Mundial vai começar para nós amanhã, quando vamos estudar as cidades onde vamos jogar e os futuros rivais."

Otero representou a seleção do Uruguai no sorteio porque o técnico Óscar Tabárez se recupera de um problema de saúde. Usando uma cadeira de rodas, ele faz tratamento contra a Síndrome de Guillain-Barré, doença autoimune que causa enfraquecimento muscular. 

Bicampeã mundial, a seleção uruguaia vai estrear na Copa diante do Egito no dia 15 de junho, na cidade de Ekaterinburg. No dia 20, o rival será a Arábia Saudita, em Rostov. O anfitrião russo será o adversário no dia 25, em Samara. 

Se confirmar o favoritismo em sua chave, o Uruguai poderá cruzar nas oitavas de final contra equipes como Espanha e Portugal, que são os favoritos no Grupo B.

Primeira Edição © 2011