Rueda tem dúvida entre Thiago ou Muralha no Flamengo para encarar a Chapecoense

13/09/2017 07:53

A- A+

Estadão Conteúdo

compartilhar:

O técnico do Flamengo, o colombiano Reinaldo Rueda, não acredita que a má fase no Campeonato Brasileiro e a recente demissão do treinador Vinícius Eutrópio tornarão a Chapecoense um adversário mais fraco para o clube carioca nesta quarta-feira, às 19h15, na Arena Condá, em Chapecó (SC), na primeira partida entre os brasileiros pelas oitavas de final da Copa Sul-Americana.

"Esses jogos não são fáceis, mesmo com tudo que aconteceu com a Chapecoense ontem (queda do técnico). A Chape mudou muito do time de Caio Júnior (técnico morto no final do ano passado no acidente aéreo na Colômbia), depois para (Vagner) Mancini e o time atual, na partida contra o Cruzeiro (derrota por 2 a 1). É forte fisicamente", analisou o comandante rubro-negro em entrevista coletiva nesta terça-feira, em Chapecó.

O colombiano Reinaldo Rueda - que comandava o Atlético Nacional à época da tragédia do voo da delegação catarinense que caiu nos arredores de Medellín - revelou que o episódio marcou a vida dele e coloca um componente emocional na partida. "Vir a Chapecó terá sempre essa recordação de algo que não queria viver. Pelo Atlético Nacional, tínhamos viajado umas seis vezes com essa mesma tripulação, neste mesmo avião. Parecia mentira", contou o técnico.

Sobre o time que enfrentará a Chapecoense, Reinado Rueda revelou dúvidas em relação ao gol. O técnico pretende dar ritmo de jogo a Thiago ou Alex Muralha - ambos criticados pela torcida flamenguista - com vistas à decisão da Copa do Brasil, no próximo dia 27, diante do Cruzeiro, em Belo Horizonte.

"Não é uma questão só para torcida, mas para mim também. No futebol, é preciso continuidade e para goleiro é mais difícil. Temos essa decisão para tomar. Thiago e Muralha passaram por momentos difíceis e a tendência é que, nestas semanas, um assuma Os jogadores que hoje odiamos, amanhã abraçamos. O goleiro que hoje é criticado, amanhã pode pegar um pênalti", comentou o treinador.

O Flamengo treinou nesta terça-feira na Arena Condá, palco da partida. A atividade serviu para o reconhecimento do gramado por parte do elenco. O time titular ainda não divulgado por Reinaldo Rueda, mas é provável que o técnico coloque uma equipe próxima da que utilizará diante do Cruzeiro, na semana que vem. 

Assim, o time deverá entrar em campo contra a Chapecoense deverá ter: Thiago (Alex Muralha); Rodinei, Réver, Juan e Pará; Cuéllar, Willian Arão e Diego; Berrío, Everton e Guerrero.

Primeira Edição © 2011