Arsal fiscaliza pesquisa de vazamento de gás

Trabalho será promovido em todas as áreas de distribuição

08/09/2017 13:56

A- A+

Agência Alagoas

compartilhar:

Toda rede de distribuição de Gás Natural Canalizado do Estado será inspecionada de 11 de setembro a 10 de outubro, por meio de uma Pesquisa Anual de Vazamento, realizada pela Gás de Alagoas S.A. (Algás) e fiscalizada pelos técnicos da Agência Reguladora de Serviços Públicos (Arsal).


A pesquisa será promovida em todas as áreas atendidas pela rede de distribuição de gás. Serão inspecionadas 40 unidades consumidoras dos segmentos residenciais e comerciais previamente definidas pela Arsal, 27 postos automotivos de Gás Natural Veicular (GNV), 14 indústrias, uma base de compressão, duas unidades de cogeração e 15 estações do sistema de distribuição de gás nos municípios de Maceió, Penedo, Rio Largo, Atalaia, Pilar, Santa Luzia do Norte, Satuba e Marechal Deodoro.


A pesquisa anual de vazamento é um procedimento preventivo estabelecido pela Agência Reguladora com a finalidade de rastrear vazamentos em toda extensão da rede de distribuição de gás natural canalizado em Alagoas.


Segundo Clara Alves, gerente de Gás Natural da Arsal, o trabalho de inspeção em toda a rede contribui para prevenir incidentes, minimizar riscos e garantir a qualidade do fornecimento do produto. Esse é o nono ano da realização da pesquisa.


Durante os procedimentos são utilizados equipamentos específicos para testar todos os pontos de possíveis vazamentos e, caso algum seja identificado, é quantificada a concentração de gás vazado, avaliado o grau de risco e realizado os reparos necessários para eliminar a situação de risco, no prazo máximo de até uma hora.


“Nosso papel como ente regulador e fiscalizador é de monitorar a situação da rede de distribuição e estabelecer ações que contribuam para a segurança, integridade e continuidade operacional do sistema de gás”, disse Marcus Vasconcelos, presidente Arsal.


Ao final do trabalho, um relatório produzido pela Algás será entregue à Arsal, que irá avaliar se todos os procedimentos estabelecidos foram executados corretamente.


Em Alagoas, o sistema de gás canalizado possui 482,10 Km de rede de distribuição atende 9.324 unidades consumidoras, sendo 32 indústrias, 31 postos de automotivos, 580 estabelecimentos comerciais, cinco unidades de cogeração e 8.676 unidades consumidoras no segmento residencial (prédios, residências e condomínios).

Primeira Edição © 2011