Operações de fiscalização flagram irregularidades

11/08/2017 14:07

A- A+

Ascom SMTT

compartilhar:

Condutores inabilitados, veículos sem equipamentos obrigatórios, com licenciamento atrasado e sem qualquer documento. Essas foram algumas das principais infrações flagradas pelos agentes da Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito (SMTT) em vários bairros da capital, nesta quinta (10) e sexta-feira (11).

Um total de 13 veículos apreendidos, 66 autuados e mais de 60 abordagens foi registrado. Estacionamento irregular também foi uma das infrações mais registradas, principalmente nos bairros do Farol, Centro, São Jorge e Pinheiro.

“Nessa região do Pinheiro existem hospitais próximos e as pessoas, para não estacionar longe, param em local proibido, tirando o direito de outras pessoas de desembarcarem pacientes urgentes, próximo da entrada do hospital”, explicou o assessor técnico de Trânsito da SMTT, Wanderson Freitas.

Veículos pesados

Veículos de grande porte, com capacidade de transportar mais de cinco toneladas, são proibidos de trafegar na Avenida Fernandes Lima entre às 6h e 9h e 17h às 20h.

Proibidos, por decreto, de trafegar na Avenida Fernandes Lima, durante horário de pico, os veículos com capacidade máxima de tração (CMT) acima de cinco toneladas também foram abordados. Mais de 30 motoristas foram autuados por diversas irregularidades.

“De acordo com o artigo 184 do Código de Trânsito Brasileiro, transitar em local proibido é uma infração média que custa R$ 130,16 e quatro pontos na carteira, mas a SMTT também analisa se o veículo possui os equipamentos obrigatórios, e as condições de faróis e pneus”, afirmou Freitas.

Os caminhões e demais veículos com capacidade para transportar carga acima de cinco toneladas não podem trafegar entre 6h às 9h e de 17h às 20h, para garantir maior fluidez do trânsito em uma das avenidas mais movimentadas da cidade.

Primeira Edição © 2011