Governador inaugura obras de mobilidade no Jacintinho

13/05/2017 15:01

A- A+

Agência Alagoas

compartilhar:

O governador Renan Filho inaugurou, na manhã deste sábado (13), as obras de mobilidade urbana nas grotas do Pau D'Arco e Divaldo Franco, no conjunto José da Silva Peixoto, bairro do Jacintinho, em Maceió. Os investimentos fazem parte do programa Pequenas Obras, Grandes Mudanças, da Secretaria de Estado do Transporte e Desenvolvimento Urbano  (Setrand). 

"Neste programa, estamos gerando, direta e indiretamente, 600 empregos na capital. Vinte e duas grotas estão em obras. Até o final do ano, vamos chegar a 40 e, no ano que vem, chegaremos a todas às grotas da capital para demonstrar que quando se tem governo, arregaçam-se as mangas e se faz", afirmou o governador.

Foram construídas passarelas, rampas de acesso, drenantes, pontilhões, passeios e muros de contenção. Os equipamentos e casas receberam pintura e painéis que retratam a natureza e o dia a dia da população.

 "Tudo ficou muito organizado e bonito. Essa obra também me deixa mais tranquila. Tenho três filhos menores e dois já caíram no córrego. Hoje isso não acontece mais", revela a empregada doméstica Maria Cícera da Conceição, 41 anos.

O evento de inauguração aconteceu na quadra de esportes da comunidade do Pau D'Arco, que foi completamente reformada. 

Prestigiaram a solenidade secretários estaduais, lideranças comunitárias, moradores e o senador Renan Calheiros. "Vamos trabalhar para destinar recursos federais para a segunda etapa deste importante projeto de alcance social", disse o senador. 

O secretário de Transporte e Desenvolvimento Urbano, Mosart Amaral, ressalou a importância do programa Pequenas Obras, Grandes Mudanças na revitalização urbana das grotas. "A preocupação do governador Renan Filho sempre foi integrar as pessoas que vivem nas grotas ao restante da cidade. Esses moradores têm direito a viver com mais dignidade e é isso que o nosso programa de mobilidade urbana tem proporcionado a diversas comunidades carentes da capital", comentou. 

Só nas grotas do Pau D'Arco e Divaldo Franco foram beneficiados 2.500 moradores. Em Maceió, 250 mil pessoas moram em grotas ou nas imediações. Isso significa 25% da população da capital

O governador lembrou que além das obras estruturantes, as secretarias de Estado levam ações assistenciais e apoio aos microempreendedores com a oferta de microcrédito. Ele afirmou que o Governo precisa ser generoso, estar mais perto de quem precisa. 

"Todas as pastas estão integradas para marcar a presença do Estado onde o cidadão mais precisa", enfatizou. "Esse projeto possibilita a interação perfeita entre Poder Público e povo", considerou o líder comunitário Cícero Cândido.

Durante a solenidade, o governador fez a entrega de kits esportivos, alimentos produzidos em hortas do sistema prisional, além de enxovais a gestantes e cadeiras de rodas. 

Abrangência 

O secretário de Transporte e Desenvolvimento Urbano, Mosart Amaral, destacou que a mobilidade urbana foi transformada nas comunidades atendidas pelo Programa com a construção e reforma de 22 escadarias, totalizando mais de dois mil metros deste equipamento urbano, que conta com mais de mil metros de corrimão. 

Foram executados mais de três mil metros quadrados de passeios, proporcionando maior espaço para lazer e recreação nas grotas. Ainda nestas comunidades foram construídos 481 metros de canaletas para escoar a água da chuva a fim de evitar desmoronamentos e concluídos 326 metros de muros de contenção, 21 de pontilhões e 300 de meio-fio.

As obras nessas grotas foram divididas em três lotes. Neste sábado foi inaugurado o primeiro, nos outros dois as obras já estão em andamento. Em um ano, o Pequenas Obras, Grandes Mudanças já beneficia 22 comunidades carentes de Maceió, sendo que quatro destas já foram inauguradas. 

Até o fim da gestão Renan Filho, todas as 76 grotas de Maceió serão beneficiadas com as ações deste programa, que possui a chancela da ONU (Organização das Nações Unidas), por meio da ONU-Habitat, braço da organização para habitação e assentamentos urbanos.

Primeira Edição © 2011