Maceió irá sediar o primeiro Projeto Expográfico do ano

18/04/2017 08:05

A- A+

Assessoria

compartilhar:

Durante trinta dias a galeria de artes do Sesc-Centro, em Maceió, dará lugar a exposição ‘Efêmera Sutileza do Caos’, que propõe três obras efêmeras de grandes proporções.

Sob a curadoria da produtora cultural e advogada Milla Pasan, o espaço abrigará desenhos que trazem recortes de um mundo dinâmico e caótico, além de obras que revelam a sutileza das coisas pelo olhar do cartunista e ilustrador Daniel Contin, 31 anos, mineiro de Barbacena (MG), que irá expor suas obras focado no congelamento de momentos, transformando em desenhos repletos de humor ácido, que remetem a temas dialogados no âmbito social num caos desordenado.

Filho de militar, Daniel Contin, que já se apresentou no Linda Mascarenhas, durante o ‘Maceió Arte Movimento’, se espelha em artistas como os americanos Bernie Wrightson; Rick Griffin; Norman Rockwell; Robert Crumb; Julie Bell; Joe Sacco; John Totleben e o espanhol Luis Royo.

Daniel pinta desde os 5 anos de idade espelhando-se no pai que na época desenhava pôsteres. O artista foi criador da Revista Fuzarca, um inédito expediente criado em 2009 em Maceió, com cartuns rebuscados e cheios de energia, onde Daniel reproduzia com humor ácido, em tiras provocativas e autênticas influenciadas pela nobreza das HQs underground.

Para a fanzine Daniel diz que recebia as influências de Bernie Wrightson, criador de monstros da DC Comics (incluindo o clássico Frankenstein); Alan Moore, o quadrinista britânico autor de vários filmes, com destaque para ‘V de Vingança’; o mestre Dave Berg da revista Mad e Robert Crumb, artista gráfico e ilustrador pioneiro do quadrinho underground.

SERVIÇO

- Exposição Efêmera Sutileza do Caos

- Trabalhos de Daniel Contin (Barbacena –MG)

- Data: De 18 de abril a 31 de maio/2017

- Local: Galeria de Artes do Sesc-Centro

- Hora: De segunda a sexta, das 12h às 18h

Primeira Edição © 2011