Dia Internacional das Mulheres aquece a venda de flores no Norte e Nordeste

Elas são encontradas de várias cores, em forma de unitários, maços ou buquês. Seja em período de crise ou não, as flores são a opção número um na hora de presentear uma mulher

07/03/2017 18:29

A- A+

Liberdade de Ideias

compartilhar:

O ano sempre começa com muito trabalho para as empresas produtoras de flores e plantas ornamentais, principalmente, porque no primeiro trimestre existe uma importante data comemorativa, cuja demanda por flores aumenta bastante: o Dia Internacional das Mulheres. Nas fazendas, o ritmo de trabalho é intenso na busca para colocar no mercado produtos diferenciados, charmosos e que represente a mulher.

De acordo com a produtora Rosas Reijers, o Dia Internacional das Mulheres é a primeira data festiva mais importante para o setor. Junto com o Dia das Mães, é o período que mais movimenta a vendas de flores e plantas ornamentais, e que pode apontar um crescimento em torno de 10% nos negócios. "As flores, sobretudo as rosas, são a maior representação de carinho e amor, principalmente, quando é para se retratar ou homenagear o gênero feminino. Acredito que as rosas jamais cairão de moda e serão sempre a primeira opção na hora de se homenagear quem se ama. E neste Dia das Mulheres estamos bem otimistas para a retomada do mercado, com um aumento considerável nas vendas", disse a engenheira agrônoma da Rosas Reijers, Camila Reijers, garantindo que a empresa se preparou para disponibilizar diversos tipos de flores e plantas em todo o território do Norte e Nordeste, principalmente, nas redes de supermercados, que facilmente estão ao alcance dos consumidores. 

São várias as opções que os clientes encontram, porém, as rosas são as que mais chamam atenção. A decisão de escolher por um tipo e cor é difícil e gostosa, uma vez que a oferta é bem grande. Entre as mais pedidas estão as rosas vermelhas, que é disparada a preferida para presentear neste dia. "Além das rosas em seu estado natural, também temos uma seleção de flores tinturadas, a exemplo da rosa negra, azul, coloridas, enfim... Inovamos para incentivar a imaginação de nossos clientes e tentarmos nos aproximar cada vez mais dos seus anseios", apontou Camila. 

Para quem quer fugir do convencional, além das rosas há as alstroemerias, lírios, gérberas, lisianthus, boca de leão, plantas em vasos e a sensação do momento: as gipsofilas coloridas. "Este é o nosso mais novo lançamento. Como as gipsofilas existem apenas na cor branca, desenvolvemos um processo altamente confiável e de excelente qualidade, para tinturar esta planta que, quando colorida, ficam fascinantes", salientou a engenheira. As flores tinturadas da Rosas Reijers obedecem rigorosamente ao padrão de qualidade da empresa, e não interferem no tempo de vida ou abertura das plantas. 

O setor de flores está otimista em uma retomada nos negócios a partir deste mês de março, com o Dia Internacional das Mulheres. "Estamos nos esforçando para manter o crescimento da empresa em torno de 10% por ano, mas percebemos que o mercado tem sido muito volátil, então, é preciso inovar e oferecer criatividade aos consumidores finais. Apostamos que esta será a data da virada para o nosso segmento, e que a partir de agora, o mercado engrenará", enfatizou Camila. 


Sobre a Rosas Reijers

Com duas fazendas em atividade (Itapeva, MG, e São Benedito, CE), a Rosas Reijers é considerada a maior produtora de rosas e gipsofilas do País. São mais de 30 anos de atuação, sempre na busca pela inovação e qualidade de seus produtos por meio de métodos sustentáveis de produção. A Rosas Reijers é certificada pela MPS - Método de Produção Sustentável -, com 98,8 pontos - a maior nota entre 4.100 produtores inscritos em todo o mundo (50 países).

A empresa produz mais de 50 tipos de rosas - em diversas cores, formas, perfumes, tamanhos etc, além de alstroemerias, gipsofilas, lírios, gérberas, lisianthus, boca de leão, plantas em vasos variados, buques e arranjos.

A Rosas Reijers também se destaca pelas ações socioambientais que desenvolve e pela preocupação que manifesta com seus funcionários, bem como, com as regiões onde atua.

galeria de fotos seta

Primeira Edição © 2011