Litoral Sul de Alagoas tem as melhores praias para banho

As análises realizadas pelo IMA nos últimos dois meses apontam excelentes índices de balneabilidade na região

27/01/2017 19:28

A- A+

Assessoria de Comunicação IMA

compartilhar:

Além das belas paisagens, com águas cristalinas e areias brancas, todas as praias que vão da Massagueira até a divisa de Alagoas com Sergipe, em Piaçabuçu, apresentaram bons índices de balneabilidade nas últimas oito análises realizadas pelo Laboratório de Estudos Ambientais do Instituto do Meio Ambiente (IMA-AL).

As coletas das amostras de água são feitas pelo laboratório semanalmente, conforme o que recomenda a Resolução nº 274/2000 do Conselho Nacional de Meio Ambiente (Conama), em 63 pontos da costa alagoana, abrangendo 15 municípios litorâneos situados em três regiões geográficas do Estado.

No Litoral Sul, praias como Francês, Gunga e Barra de São Miguel, que são bastante frenquentadas por banhistas durante o verão, não são as únicas que apresentam bons índices. Entre as melhores existem ainda aquelas pouco exploradas, como Miai de Baixo e Miai de Cima, Lagoa Azeda e Praia do Saco.
 

Os resultados de balneabilidade nas praias urbanas de Maceió, como Ponta Verde, Jatiúca e Pajuçara, variam no decorrer das semanas.

Na praia de Ponta Verde, por exemplo, os resultados das últimas três semanas apontaram alguns pontos analisado como próprios, pelo menos no local que fica entre as ruas General Dr. João Saleiro Pitão e Dr. Rubens Canuto. Na Pajuçara, o ponto localizado na Avenida Dr. Antônio Gouveia (interseção com a rua Júlio Plech Filho), apresentou bons índices nas últimas seis semanas. Entretanto, outro ponto monitorado que fica na mesma avenida e que faz interseção com a rua João Carneiros, deu impróprio para banho na última análise.  

Ainda em Maceió, praias pouco frequentadas, como Ipioca, apresentaram excelentes índices de balneabilidade nos últimos dois meses. Outras mais visitadas como Guaxuma, Jacarecica e Mirante também os pontos analisados considerados próprios para banho nesse mesmo período.

No Litoral Norte, os melhores locais apontados nas últimas oito análises estão nas praias de Paripueira, Sonho Verde, Barra de Santo Antônio, Maré Mansa, Barra de Camaragibe, São Miguel dos Milagres e Ponta de Mangue. A maior quantidade de praias ruins nessa região aparece no município de Maragogi. “Há muita influência das fozes dos rios Salgado, Persinunga e Maragogi”, comentou Manoel Messias, gerente do Laboratório de Estudos Ambientais do IMA.

O levantamento feito pelo IMA abrange os município Piaçabuçu, Feliz Deserto, Coruripe, Jequiá da Praia, Barra de São Miguel, Marechal Deodoro, Maceió, Paripueira, Barra de Santo Antônio, Barra de Camaragibe, São Miguel dos Milagres, Porto da Rua, Porto de Pedras, Japaratinga e Maragogi.

 

Análises

Em Janeiro de 2016, após um período de reformas e mudanças, as análises do Laboratório do IMA passaram a considerar não a quantidade de coliformes fecais encontrada, mas sim a presença da bactéria Escherichia coli (E.coli) nas amostras coletadas.

Para a E.coli, a resolução 274/2000 do Conama considera praias próprias para banho quando em 80% do conjunto de amostras, colhidas no mesmo no local, não exceder o limite de 800 NMP (Número Mais Provável) em cada 100mL de água.

A E.coli é uma bactéria presente no trato intestinal de animais de sangue quente, considerada patógeno, ou transmissora de doenças. Segundo Manuel Messias, “o método é mais eficaz e dá um resultado mais preciso sobre os níveis de contaminação de cada ponto”.

Os resultados completos da balneabilidade das praias de Alagoas estão disponíveis no site ima.al.gov.br.

Texto de Elayne Pontual

Primeira Edição © 2011