Eventos trazem mais de cinco mil visitantes a Maceió na segunda quinzena de agosto

Turistas vêm à capital alagoana para participar de eventos captados e apoiados pelo Maceió Convention

12/08/2016 12:04

A- A+

Assessoria de Comunicação

compartilhar:

Apesar das paisagens não mostrarem, em Alagoas é inverno, época de menos turistas a lazer e mais a negócios. A partir da segunda quinzena de agosto, Maceió dá início a uma agenda lotada de congressos, encontros e eventos esportivos, captados ou apoiados pelo MC&VB, que levam 5.700 participantes para o Centro de Convenções, universidade, hotéis e, porque não, destinos turísticos de todo estado.

            A programação tem início no dia 14 de agosto, com o 54º Congresso da Sociedade Brasileira de Economia, Administração e Sociologia Rural (Sober), que acontece na Ufal para 1.200 pessoas de todo país, e tem continuidade com o Challenge Family, realizado pelo segundo ano consecutivo na orla de Maceió, para mais de 1.000 esportistas.

            O presidente do Maceió Convention, Glênio Cedrim, conta que o segmento de negócios e eventos é fundamental para os períodos de baixa temporada. “Em época de crise econômica, os congressos são uma saída para a manutenção da taxa de ocupação nos hotéis, pois quando temos a realização de eventos de médio e grande porte, a cidade movimenta e complementa o segmento de lazer”.

                Ainda acontecem nos últimos dias de agosto o Congresso de Medicina Tropical, de 21 a 24, para 2.400 especialistas e estudantes de todo Brasil, o Congresso Brasileiro de Fitopatologia e a Jornada Alagoana de Alergia e Imunologia Clínica, que somam 1.100 participantes.

Sobre o MC&VB

O Maceió Convention & Visitors Bureau é um escritório de captação e apoio a eventos profissionais. A entidade existe há quase 20 anos e trabalha para o crescimento do segmento na capital alagoana e assim, na diminuição da sazonalidade.

Em 2015, foram mais de 30 eventos realizados na cidade e só em 2016, já aconteceram 23 encontros até o mês de julho. A expectativa é encerrar o ano com mais de 40 eventos locais e nacionais realizados.

            Os eventos trazem inúmeros benefícios para a cidade sede. “Além da ocupação, o perfil desse turista é bem diferente do lazer, eles gastam mais, movimentando assim a economia e contribuem para a diversidade de passageiros e fortalecimento da malha aérea para o destino”, conclui Glênio.          

Primeira Edição © 2011