São João dos 200 anos toma conta do Arraial Central, em Jaraguá

Abertura faz parte da programação das comemorações do bicentenário de Maceió

21/06/2015 05:31

A- A+

Secom/Maceió

compartilhar:

Nem a chuva, que insistiu em cair durante algumas apresentações na abertura do ‘São João dos 200 anos’, afastou o público do Arraial Central, montado em Jaraguá. Os maceioenses aceitaram o convite da Prefeitura de Maceió e se divertiram na festa que faz parte da programação das comemorações do bicentenário da cidade.

Para o prefeito Rui Palmeira, a primeira noite dos festejos juninos promovida pelo município foi um sucesso, sem o registro de incidentes. “Mais uma vez, incentivamos um São João que valoriza a nossa cultura, estimulando os arraiais em vários bairros da cidade. Neste sábado, iniciamos os festejos no Arraial Central com várias atrações regionais e locais com muita tranquilidade e muito forró”, comemorou o gestor.
 

A Fundação Municipal de Ação Cultual (Fmac) montou uma grande estrutura no estacionamento do Jaraguá para receber diversas atrações musicais até o dia 29. No primeiro dia o evento, Ronaldo Vaqueiro, Pinóquio do Acordeom, Genaro, Assisão e Batista Lima, literalmente, colocaram todo mundo para dançar. Em todos os artistas, o sentimento era de satisfação por participar de uma homenagem a Maceió.

Segundo explicou o presidente da Fmac, Vinícius Palmeira, a festa segue com o mesmo formato descentralizado, aplicado em anos anteriores. “O objetivo é fazer uma festa para toda a família com arraiais em 50 bairros da cidade, que estão dentro da dentro da nossa tradição, da nossa forma de celebrar o São João. Neste sábado iniciamos no Jaraguá, mas na sexta-feira (19), o Benedito Bentes começou seu São João numa festa bastante concorrida”, destacou.

O ‘São João 200 anos’ homenageia o forró de Clemilda e Gerson Filho, numa justa referência aos dois ícones do forró alagoano que se destacaram nacionalmente e conquistaram o Brasil. “Eles são ícones da música nordestina que fizeram sucesso no Brasil inteiro, cantando e tocando as referências culturais da nossa gente”, afirmou Vinícius Palmeira.

“Fico muito feliz de participar das comemorações do aniversário de Maceió, até porque essa é minha terra. A cidade comemora essa data com uma festa tão bonita de São João, por isso agradeço a todos os responsáveis pela iniciativa e por terem me trazido para tocar na minha cidade”, disse o forrozeiro Genaro.
 

Principal atração da noite, o cantor Batista Lima afirmou que estava ansioso para tocar na cidade e que ficou feliz em saber que, em 2015, Maceió completa 200 anos. “É a primeira vez que toco na cidade em careira solo. Estou muito feliz que seja num momento tão importante para a cidade, que está prestes a celebrar seu bicentenário. Parabéns, Maceió! Esse marco precisava, sim, ser comemorado com muita alegria, emoções e grandes atrações”, destacou o artista.

Primeira Edição © 2011