Expositores do Corredor do Artesanato superam expectativa

04/01/2015 08:00

A- A+

Ascom Semtabes

compartilhar:

Mais uma conquista da Diretoria de Economia Solidária da Secretaria Municipal do Trabalho, Abastecimento e Economia Solidária (Semtabes). As vendas no Corredor do Artesanato, exposição montada no Maceió Shopping, já superaram as expectativas. Em apenas duas semanas de exposição, há grupos que venderam mais de R$ 5 mil. O espaço foi cedido pelo Maceió Shopping, e a exposição ficará aberta ao público até o final de janeiro.

De acordo com Renato Ferreira, coordenador de Fomento à Economia Solidária da Semtabes, a cada 15 dias, um grupo expõe suas peças, o que é uma forma de beneficiar o maior número de artesãos possível. “A média de vendas por grupo é de cerca de R$3.200. São 40 grupos que serão beneficiados, expondo suas peças no Corredor do Artesanato, uma oportunidade que dinamiza o trabalho deles e dá a visibilidade que eles merecem. Entre as peças expostas. há bordados, roupa, peças de cama, mesa e banho, entre outros acessórios”, explicou Renato.

O grupo Guerreiros foi um dos que mais faturaram e para os empreendedores solidários que fazem parte dele, esta oportunidade é um reconhecimento. “Para o grupo foi maravilhoso e gratificante esse resultado ficamos no período de 15 dias e próximos às festas o que movimentou mais ainda o shopping. Vendemos muito e peças variadas”, disse Joseane Costa, artesão do grupo Guerreiros. No local, também estão expositores dos grupos Belas Artes, Asamj e Mulheres de Talentos, entre outros.

De acordo com Michelli Larissa do Nascimento, diretora de Economia Solidária da Semtabes, esta é uma conquista de um trabalho em equipe. “É uma forma que encontramos para incentivar e ver esse trabalho sendo valorizado pela sociedade alagoana. É um grande recomeço para dar ainda mais visibilidade ao nosso trabalho do artesanato”, destacou Michelli.

Os mais de 70 grupos de Economia Solidária da Semtabes também são beneficiados com ações de capacitação e acesso a mercado. Outra exposição também está beneficiando os grupos de empreendimentos solidários de Maceió, a “Eu amo Maceió”, no Parque Shopping.  Além disso, eles comercializam aos domingos na Rua Fechada da Ponta Verde e na Praça do Centenário.

Primeira Edição © 2011