Rádio Primeira Edição - Ouça agora!

notícias > Maceió setas

Reserva técnica da PM de Alagoas critica anúncio de concurso público para as polícias

Para os aprovados no concurso público de 2006, governo é omisso com a causa da classe e tem 'passado' a perna na reserva técnica

27/06/2012 17:22

A- A+

Thayanne Magalhães

compartilhar:

O anúncio do concurso público para as polícias Civil e Militar, feito durante o lançamento do Plano Nacional de Segurança, na manhã desta quarta-feira (27), não deixou o pessoal da reserva técnica da Polícia Militar satisfeitos. De acordo com Melqui Zedeque dos Santos, aprovado no concurso de 2006, os 992 aprovados planejam se manifestar para exigir suas reivindicações.

“Estamos aptos para exercer as funções, faltando ainda o exame pré-adicional e o curso de formação para soldados, que dura em torno de seis meses. Se o governo quisesse uma solução rápida para combater a violência, ele ficaria favorável com a nossa causa”, explicou.

De acordo com Melqui Zeduque, se o pessoal da reserva ainda demoraria no mínimo seis meses para estarem atuando nas ruas, combatendo a criminalidade, os possíveis aprovados no concurso que deve ser lançado nesta quinta-feira (28), demorariam pelo menos um ano. “O concurso sendo lançado amanhã, que eu só vou acreditar nisso quando eu ver, só teriam as provas aplicadas em pelo menos 90 dias. Depois de um mês sairia o resultado e, após quase seis meses, os aprovados entrariam no curso de formação de soldados, que dura outros seis meses”.

Para Zedeque, o governador de Alagoas, Teotônio Vilela (PSDB) tem ‘passado a perna’ na reserva técnica. “O governo fica tentando nos passar para atrás. Quando nos reunimos para realizar um ato, para reivindicar nossas nomeações, ele nos procura, diz que está analisando nossas ações, mas passa a perna na gente”, acusa.

“Quando faltavam cinco dias para o concurso expirar, o governador chamou 900 pessoas das reserva. Mas todo mundo sabe que quando se oferecem 900 vagas, ele deve chamar o dobro de pessoas, porque muitos perdem nos exames físicos. Pouco mais de 600 compareceram e só passaram nos exames adicionais pouco mais de 500”, lembra Melqui, reafirmando sua opinião sobre a omissão do governo com a reserva técnica da PM.

“Os programas de segurança lançados pelo governo têm tudo para dar certo, mas o governo não investe em pessoal. A Ronda Cidadã, por exemplo, têm uma viatura para cobrir dois ou três bairros e, se você for nas bases comunitárias sem avisar, vai constatar que só tem um ou dois policiais militares trabalhando. Então, não funciona nunca”, disse Melqui, pontuando ainda que o problema do aumento da violência se dá pela falta de efetivo. “Ter policiais na rua não é tudo, mas coíbe a criminalidade. A situação é caótica porque falta efetivo, então vamos investir”.

Um documento com o resumo das ações realizadas pelo pessoal da reserva, foi entregue ao ministro da Justiça, Eduardo Cardozo, durante o lançamento do Plano de Segurança. “Vamos torcer para que ele possa se sensibilizar com a nossa causa”.
 

* campos obrigatórios

  • Enviar »
  • Geane 27/06/2012

    não da para entender se tem uma reseva desde 2006 porque o governo não os convoco, para dar uma maio segurança a sociedade, e porque ele fica falando em suas entrevista que chamo toda reseva tecnica da pm. Agora entendo porque chamão ele de teonoquio.

  • Henrique Jonathan 27/06/2012

    REALMENTE O RAPAZ ESTA CERTO, QUANTO MAIS POLICIAS NA RUA MELHOR PARA POPULAÇÃO

  • Danilo Nascimento 27/06/2012

    SÃO 6 (SEIS) ANOS DE LUTA.... TENHO ORGULHO DE FAZER PARTE DESSA CLASSE SOFREDORA E ESQUECIDA MAIS TENHO CERTEZA QUE O JUDICIÁRIO ALAGOANO FARÁ A SUA PARTE E JULGAR A AÇÃO CIVIL PÚBLICA DO MPE, A FAVOR DA RESERVA TÉCNICA E QUE VAMOS CONTRIBUIR PARA UMA ALAGOAS MAIS SEGURA!!!!!!!!!!!

  • Melqui 27/06/2012

    Boa noite a todos, quero parabeniza a redatora por essa excelente matéria são poucos os jornais que mostra a verdade doa a quem doer.

  • PEDRO 27/06/2012

    É verdade o nosso competente governador está brincando com todos nós (POVO ALAGOANO). Existe esse pessoal da reserva técnica que a tempo reinvidicam suas nomeações e o gov ignora esse pessoal. Seria tão fácil ele ser a favor da AÇÃO CIVIL PÚBLICA e junto com a justiça nomeiar esses concursados...

  • PM ALAGOANO 28/06/2012

    COM A CARÊNCIA QUE EXISTE HOJE NA PM O CERTO MESMO ERA CHAMAR ESSA RESERVA E AINDA FAZER MAIS UNS 3 CONCURSOS........

  • Antonio 28/06/2012

    Senhor exelentísssimo governador, a sociedade está cansada de tanta violência,é muito descaso com a segurança pública,propagandas não vão trazer pessoas de bem e trabalhadoras de volta a vida, nem vai consolar e confortar familias que perdem seus entes queridos. CHEGA!!! CHEGA!!! QUERO SEGURANÇA...

  • Antonio 28/06/2012

    Chama logo esse pessoal da reserva, e faz em carater de URGÊNCIA um concurso que preencha pelo menos metade da carencia do efetivo da pm-al, pois não é segredo para ninguém o clarão do nosso efetivo, pra que carro se não tem quem dirija,pra que projetos se não tem quem os execute. ASSIM NÃO DA MAIS

@primeiraedicao seta

anterior proximo
  • João Julio da Silva

    Sempma fiscaliza empreendimentos residenciais http://t.co/jLX1ZChiZ5 via @primeiraedicao

  • João Julio da Silva

    Após manifestação de servidores, prefeitura de Arapiraca garante pagamento de salários http://t.co/uCxkdqWfNy via @primeiraedicao

  • João Julio da Silva

    Rede social influencia o voto de 39% dos usuários http://t.co/f8GpEmtlCO via @primeiraedicao

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Primeira Edição © 2011

Plus! Agência Digital