Criciúma acusa hotel de Arapiraca de ser responsável por intoxicação alimentar em jogadores

Além dos jogadores, o técnico, o supervisor e o médico da equipe também ficaram doentes

20/06/2012 11:16

A- A+

Ariana Rufino - colaboradora

compartilhar:

O preparador físico do time Criciúma, Márcio Correia,  acusou nesta quarta-feira (20), o hotel Sol Nascente de Arapiraca (AL), de ser responsável pela intoxicação alimentar que deixou indispostos os jogadores Wiliam Simões, Elias, Kleber, Giovanni, Augusto, André Gava e Luca, após a partida do último sábado (16). As informações são do Jornal Tribuna Net.

Ainda segundo afirmou Márcio, no local não havia higiene e os alimentos eram preparados de forma inapropriada. " Uma situação atípica, faltou higiene na comida lá, e por isso nossos atletas passaram mal", afirmou.

O preparador físico ainda revelou, que caso o time precisasse entrar em campo hoje, a equipe estaria totalmente desfolcada. A equipe técnica do time revelou ainda que os jogadores já estão em tratamento e que geralmente uma nutricionista prepara os alimentos para os atletas antes dos jogos.

Além dos jogadores, o técnico Paulo Comeli, o supervisor Guiliano Bitencourt e o médico, Manoel Monteiro também ficaram doentes.

A reportagem do Primeira Edição entrou em contato com o hotel Sol Nascente, e o gerente informou que estava averiguando as informações, que só chegaram até a gerência após veiculação na imprensa. Um nota de esclarecimento por parte do hotel deve ser emitida ainda nesta tarde. 

 

Primeira Edição © 2011