Mosart Amaral deixa a Infraestrutura para ser vice de Ronaldo Lessa

05/06/2012 12:17

A- A+

Assessoria

compartilhar:

O presidente do PMDB em Maceió, engenheiro Mosart Amaral, deixa, nesta quarta-feira (6), o cargo de secretário municipal de Infraestrutura. Mosart se desincompatibiliza do cargo, para disputar as eleições de outubro deste ano como vice na chapa do pré-candidato à Prefeitura de Maceió, Ronaldo Lessa (PDT).

Mosart passou seis anos na função e anunciou sua saída da pasta com elogios ao prefeito Cícro Almeida (PP). “O prefeito enxergou o potencial a ser explorado em Maceió e nos deu condições para realizarmos um bom trabalho durante todos esses anos. Além disso, formamos uma equipe eficiente. Estou gratificado com o resultado das nossas ações”, avaliou, informando que uma das principais obras da gestão será inaugurada neste mês.

“A [avenida] Pierre Chalita vai mudar a cara da cidade”, acredita. Esta via irá sair do final do Conjunto José Tenório, onde moram cerca de 60 mil pessoas, desce a grota, passa pelo Conjunto Teotonio Vilela e termina em Jacarecica, passando pelo Barro Duro, interligando com o Sítio São Jorge.

“Essa via irá promover a expansão imobiliária, terá ciclovia, passeio e iluminação, com grande condição de deslocamento da parte baixa para a alta da cidade e vice versa. Pode não resolver o problema do congestionamento da Fernandes Lima, mas vai dar uma boa ajuda”, opina.

Entre as obras realizadas pela atual administração em Maceió, Mosart destaca a construção da alça viária da Avenida Sandoval Cajú, onde era grande o número de acidentes com vítimas fatais; a avenida Márcio Canuto; a urbanização e saneamento de Cruz das Almas a Jacarecica, que está sendo realizada com recursos de R$ 30 milhões, viabilizados junto ao Ministério do Turismo, através de emenda do senador Renan Calheiros (PMDB).

“O senador Renan tem sido um parceiro imprescindível para a Prefeitura de Maceió, reconhecendo a importância das obras para o desenvolvimento da cidade e para o conforto da população”, reconheceu.

Também com recursos de emendas federais, obtidas graças a emendas de Renan, foram construídas a Ecovia Norte, chamada da avenida Presidente Lula, com recursos de R$ 22 milhões do Ministério do Turismo. Também os viadutos a serem construídos na Polícia Rodoviária Federal e na Cambona serão realizados graças a emenda de Renan e do deputado federal Mauricio Quintella, na ordem de R$ 22 milhões.

Mosart também confirmou a parceria com o governo estadual para a recuperação do Vale do Reginaldo, ficando com o Estado o compromisso da retirada dos moradores, cabendo à Prefeitura a urbanização, saneamento, pavimentação e drenagem, estando esta obra dependendo apenas de o Estado cumprir a sua parte para o município poder dar sequência às demais realizações.

Substituto
Mosart Amaral confirmou o nome do técnico Daniel Eugênio, secretário adjunto de Infraestrutura, para substituí-lo. “Daniel é um técnico competente, que tem compromisso com a cidade, e que irá, tranquilamente, dar sequência ao nosso trabalho”, finalizou Amaral.

Primeira Edição © 2011