Comitê pede autorização do FDA para teste de Aids em farmácias

O teste, fabricado pela empresa OraSure, foi aprovado em 2004 para que fosse utilizado pelos profissionais sanitários

16/05/2012 16:00

A- A+

UOL

compartilhar:

Um comitê formado por especialistas pediu na última terça-feira (15) à Agência de Alimentos e Medicamentos dos Estados Unidos (FDA) que aprove um teste de Aids disponível em farmácias, o que permitiria às pessoas realizar o teste em casa para determinar se têm a doença.

O Comitê Assessor de Produtos do Sangue decidiu de forma unânime, por 17 votos a zero, que o teste para o uso em casa do OraQuik era seguro e eficaz e que os benefícios eram maiores que os possíveis riscos de uso.

A FDA não tem obrigação de seguir os conselhos do comitê assessor, mas frequentemente o faz.

O teste, fabricado pela empresa OraSure, foi aprovado em 2004 para que fosse utilizado pelos profissionais sanitários.

O teste funciona com uma amostra da região externa da gengiva e usa fluidos orais, que não é o mesmo que saliva, para rastrear o HIV.

Os resultados podem ser obtidos em 20 minutos, mas devem ser confirmados por um teste sanguíneo, considerado mais exato.

Segundo os membros do comitê, o teste deverá ter um papel importante para diminuir a propagação do HIV.

Primeira Edição © 2011