Mesmo sem trios, baianos prometem não deixar faltar música na festa de Iemanjá

Milhares de baianos e turistas lotam o Rio Vermelho para reverenciar a rainha das águas

02/02/2012 05:58

A- A+

Correio da Bahia

compartilhar:

Iemanjá é vaidosa. A ela, flores, perfumes, joias e toda sorte de oferendas. Daqui a pouco, barcos e jangadas vão sair pro mar para entregar os presentes. Só que a Rainha do Mar merece mais. Por isso, no dia dela não faltam festas em terra firme, regadas à feijoada e muita música, para homenagear aquela que reina nas águas.

Para agradar a rainha das águas salgadas, os devotos podem colocar os presentes em mais de 300 balaios distribuídos em pontos estratégicos da praia do Rio Vermelho. A partir das 15h30, o presente principal - guardado a sete chaves - e as outras oferendas serão levados em cortejo para serem depositados em alto-mar.

Mesmo com o tempo fechado ontem, dezenas de baianas e devotos estiveram na praia para prestar as primeiras homenagens. “Todos os anos venho trazer flores para ela e pular sete ondas. Iemanjá é nossa mãe e merece todo nosso carinho”, resume a administradora Catarina Vila, 39 anos.

Se por um lado, trios e minitrios estão proibidos - os moradores do Rio Vermelho pediram e o Ministério Público (MPE) firmou acordo com a prefeitura para impedir o acesso dos veículos à lavagem -, por outro, não faltam opções para quem quer celebrar o 2 de fevereiro em grande estilo.

E quem disse que as festas só se concentram no Rio Vermelho? No Othon, em Ondina, o restaurante Lampião promove a Feijoada de Iemanjá, a partir das 13h. Os convidados devem trajar roupas nas cores azul e branco e levar um presente para oferecer à rainha.

Badalação
De volta ao bairro mais boêmio de Salvador, das esquinas às ruas transversais, todos os lugares são pontos de badalação. O estacionamento da academia Villa Forma, na rua Conselheiro Pedro Luiz, vai se transformar num palco da música para a festa Odoyá Iemanjá. Os shows, promovidos pelo Padaria Bar, serão comandados por Alexandre Peixe, Magary Lord e Márcio Victor.

No charmoso Zank Boutique Hotel, na rua Almirante Barroso, a Rainha do Mar será festejada com muito estilo e sofisticação. A festa, que leva a assinatura de Licia Fábio, terá bufê do restaurante Erculano e será animada pelo grupo Opcional e pelo DJ Ariel. Mas, atenção! Essa celebração é só para 200 convidados.

Perto dali, numa mansão cinematográfica no Morro da Paciência vai rolar a Iemanjá for Friends, da Palhares Entretenimento, para reunir amigos e amigos de amigos. O lugar tem vista privilegiada para o mar e para a festa.

Festas Paralelas

Iemanjá For Friends
Amigos devem se encontrar em uma mansão no Morro da Paciência, para curtir a Iemanjá For Friends. Além de um bufê de feijoada e open bar, tem som do Araketu, do Samba D’Ju e do DJ Hugo Haus. Para entrar na festa, o público deve ter o nome incluído na lista de um dos 12 anfitriões. Os ingressos - só para quem tem o nome na lista – custam R$ 80 (feminino) e R$ 150 (masculino).

Pra Iemanjá
A banda Soteropolitanos estará no Passarela Bar, fazendo o show Pra Iemanjá. O evento começa a partir das 15 h e tem também como atração o DJ Preto. O ingresso custa R$ 10.

Le Pompon Rouge
Iemanjá com ar francês. É o que promete o restaurante Le Pompon Rouge, na Rua da Paciência. O espaço vai oferecer o cassulê, a feijoada francesa. Custa R$ 100, com vista para a celebração.

Feijoada de Iemanjá
As homenagens não ficam apenas no Rio Vermelho. O restaurante Lampião, no Othon, em Ondina, vai promover a Feijoada de Iemanjá, a partir das 13h, só para convidados. Além da feijoada, o público vai desfrutar de música ao vivo. Quem quiser levar um presente para Iemanjá terá um balaio à disposição, que será entregue na colônia de pescadores do Rio Vermelho.

Odoyá Iemanjá
O Padaria Bar organiza a festa Odoyá Iemanjá no estacionamento da academia Villa Forma, na rua Conselheiro Pedro Luiz, às 14h. Alexandre Peixe, Magary Lord e Márcio Victor, do Psirico, vão comandar os shows, com participações de Jammil e Gustavo Lima. Ingressos na academia, no Padaria Bar e no Iguatemi. A pista custa R$ 50 (feminino) e R$ 60 (masculino). Camarotes por R$ 90 (feminino) e R$ 120 (masculino).

Zank Boutique Hotel
Só para convidados, a badalação no Zank é assinada por Licia Fábio e começa às 12h. O DJ Ariel e o grupo Opcional vão animar os 200 participantes. O bufê é do restaurante Erculano. 

Primeira Edição © 2011