Saúde realiza atividade de conscientização sobre o câncer

Ação acontece no sábado, das 9h às 12h, em frente ao Hotel Ponta Verde, ao Shopping Pátio Maceió e na Praia do Francês; ideia é informar sobre a doença

31/01/2012 13:06

A- A+

Ascom/Sesau

compartilhar:

Para marcar o Dia Mundial de Combate ao Câncer, celebrado em 4 de fevereiro, a Secretaria de Estado da Saúde (Sesau) e a Rede Feminina de Combate ao Câncer realizam, no próximo sábado (4), uma ação de conscientização quanto à doença. A atividade acontece das 9h às 12h, em frente ao Hotel Ponta Verde, ao Shopping Pátio Maceió e na rotatória da Praia do Francês.

Nos três locais, será entregue material educativo com informações sobre a enfermidade e, na ocasião, a população vai poder tirar dúvidas sobre diversos tipos de câncer, além dos sintomas e tratamentos. O ato, voltado também para gestores públicos, tem a participação do Núcleo de Prevenção e Controle do Câncer (NPCC) da Sesau.

Segundo o técnico do NPCC, João Aderbal Raposo, vários países estarão envolvidos em ações do tipo. “Essa é uma preocupação de todas as nações e foi tema de uma assembleia realizada pela ONU [Organização das Nações Unidas] no final do ano passado para discutir a redução de casos. O desafio é global e depende de todos nós”, explica.

Ele acrescenta ainda que o objetivo é levar esclarecimentos até as pessoas. “Vamos conscientizar, explicar o que é o câncer, pois, explicando, mostrando fatores de risco, podemos diminuir sua incidência. A parte genética do câncer é mínima, apenas 10%. O fator com maior participação é o meio ambiente, com a poluição, o contato com produtos tóxicos”, diz João Aderbal.

Além da panfletagem de rua, a atividade também será realizada dentro dos hospitais que possuem assistência para a doença – kits com material educativo estão sendo distribuídos pelo NPCC entre os Centros de Alta Complexidade em Oncologia (Cacons). Os folhetos serão entregues aos pacientes pelas próprias unidades hospitalares.

Pelas estimativas do Instituto Nacional de Câncer (Inca), Alagoas deve ter perto de quatro mil novos diagnósticos da doença este ano – no Brasil, serão 520 mil. Os dados, divulgados no último mês de novembro, valem para o período de 2012 a 2013 e revelam os tumores mais comuns no País e no Estado.

Entre os homens alagoanos, o câncer de próstata deve permanecer o mais comum, seguido por pulmão, estômago, cavidade oral, leucemias e cólon e reto. Já nas mulheres, os tumores de maior frequência serão o de pele não melanoma, de mama, de colo do útero, de pulmão, de glândula tiróide, e o de cólon e reto.

Dia Mundial

Criado em 2005 pela União Internacional para o Controle do Câncer (UICC), o Dia Mundial de Combate ao Câncer é celebrado anualmente em 4 de fevereiro. A data tem como finalidade chamar a atenção de nações, líderes governamentais, gestores e do público em geral para o crescimento dos índices da doença, que já se transformou em uma epidemia.

Segundo o UICC, que realiza um monitoramento global da enfermidade, cerca de 13 milhões de diagnósticos serão realizados este ano, com quase oito milhões de mortes em decorrência do mal. O técnico do NPCC lembra que o câncer já é a principal causa de morte no planeta. “É a doença que mais mata no mundo”, ressalta João Aderbal.

Primeira Edição © 2011