Quinze presos fogem da delegacia de Santana do Ipanema; Sindpol fez vistoria em 2011

Perícia vai identificar material usado para cavar buraco; Nenhum dos fugitivos foi capturado

23/01/2012 04:45

A- A+

Marigleide Moura

compartilhar:

Atualizado às 10h30

Pelo menos 15 detentos conseguiram escapar da Delegacia Regional de Polícia em Santana do Ipanema, no interior de Alagoas, na tarde de domingo (22). E até a manhã desta segunda-feira, nenhum deles havia sido capturado. A fuga em massa ocorreu por um buraco feito na parede da delegacia pelos presos. Ao que parece as condições precárias favoreceram o escape.

Segundo o agente Santos, ainda não se sabe como os presos conseguiram cavar o buraco., que material eles usaram. “Não sabemos que material foi usado para fazer o buraco. Nós estamos aguardando o parecer da Perícia que vai avaliar ainda hoje”, disse.

De acordo com o agente, no dia da fuga, a Delegacia contava com 50 detentos divididos em sete celas. Ele explica que os presos tentaram escapar no sábado, mas foram transferidos para outra cela e lá conseguiram executar o plano.

Condições Precárias

Em dezembro do ano passado, a delegacia de Santana do Ipanema foi vistoriada pelo Sindicato dos Policiais Civis de Alagoas (Sindpol) que constatou condições precárias no prédio e fez um relatório.

Sindopl

De acordo com a assessoria de comunicação da entidade foram encontradas péssimas condições estruturais na delegacia. Há problemas nas instalações elétrica e sanitária.Os detentos estavam detidos em condições insalubres, havia um banheiro interditado e muito lixo. 

A caixa d'água fica ao fundo de um terreno coberto de mato e de lixo. No mesmo local, ficam os esgotos a céu aberto. Essa água é consumida pelos presos. Só há apenas uma metralhadora obsoleta para uso dos policiais plantonistas e quatro coletes à prova de balas.

No relatório, o Sindpol também diz que nos alojamentos as camas estão quebradas, e os colchões velhos e mofados, a vidraçaria dos quartos está quebrada. O local é quente e sem ar condicionado e o banheiro do plantão está interditado. 

O sindicato chegou a convocar uma entrevista coletiva para denunciar a situação da delegacia regional de Santana do Ipanema e de outras cidades. Foram analisadas as delegacias de Anadia, Atalaia, Teotônio Vilela, Barra de Santo Antonio, Porto Calvo, Japaratinga, Cacimbinhas, Minador do Negrão e São Luiz e as delegacias regionais de Palmeira dos Índios, Matriz de Camaragibe, Santana do Ipanema e Maragogi.

Novo delegado

A fuga dos presos ocorre dias depois do anúncio de troca de delegado para a regional. Vai assumir o comando o Dr. Manoel Wanderley. .

Lista dos fugitivos:

Aldenir Bezerra da Silva – crime Maria da Penha.
Atamires Feitosa da Silva – preso por porte ilegal de arma de fogo.
Cícero Ferreira Gomes – mandado de prisão
Cristiano Lins da Silva – crime Maria da Penha.
Diego Barbosa Vilar – acusado de roubo.
Eduardo de Oliveira Silva – acusado de tráfico e porte ilegal de arma de fogo.
Geraldo Gomes de Albuquerque – preso por porte ilegal.
Gilberto Tavares da Silva – Mandado de prisão
Jorge dos Santos Silva – acusado de Homicídio.
José Adauto P. dos Santos – preso por porte ilegal de arma de fogo.
José Calos dos Santos Farias – acusado de assalto.
José dos Santos Xavier – acusado de homicídio.
Lucas Mateus Andrade Viana – acusado de roubo.
Luiz Tenório Cavalcante Neto – preso por extorsão.
Manoel Lopes dos Santos – preso por falsificação.
 

galeria de fotos seta

Primeira Edição © 2011