“Foi feita Justiça”, diz Téo Vilela sobre o Caso Ceci Cunha

Governador disse que o resultado do julgamento servirá de exemplo

19/01/2012 08:08

A- A+

Marigleide Moura

compartilhar:

Em entrevista ao programa Cidadania da Radio Jovem Pan, o governador de Alagoas, Teotonio Vilela Filho (PSDB) disse na manhã de hoje, 19, após um café para a imprensa, que foi feita Justiça no caso Ceci Cunha, também conhecido como a chacina da Gruta, crime que ocorreu em dezembro de 1998.

Téo referia-se a condenação do ex-deputado Talvane Albuquerque, autor intelectual do crime que vitimou a deputada federal Ceci Cunha e mais três familiares, e dos seus assessores também condenados por participação nos assassinatos. O caso foi julgado por quatro dias no Fórum da Justiça Federal de Alagoas. Em um julgamento histórico, os réus foram condenados a 475 anos de prisão.

Durante a entrevista, o governador também falou sobre o problema da violência que ameaça diariamente os alagoanos. “Os crimes de mando estão sendo investigados. E quem matou ou manda matar pagará por isso”, afirmou Teotonio acrescentando que o maior problema atualmente em Alagoas são os crimes com ligação ao uso de drogas.

O governador comentou ainda que a imagem negativa de Alagoas por ser conhecido como um estado em que há pistoleiros, muitos coronéis, está mudando. “A posição das policiais e da justiça em buscar agilizar as investigações e assim dar resolução aos caso tem contribuído para melhorar a imagem de Alagoas”, declarou.

Para Vilela, apesar da longa espera para o julgamento do Caso Ceci, a condenação dos acusados serve de exemplo sobre o que deve ser feito e também para o que não deve ser feito.
 

Primeira Edição © 2011