Melhores Momentos do Aplauso apresenta sucessos de Elis Regina

Programa vai ao ar das 10h às 12h, na Educativa FM, emissora do Instituto Zumbi dos Palmares

14/01/2012 09:01

A- A+

Agência Alagoas

compartilhar:

Na série Melhores Momentos do Aplauso deste domingo (15), o programa homenageia uma das mais cultuadas cantoras da Musica Popular Brasileira: Elis Regina. Os fãs vão conferir o melhor do repertório de uma das mais respeitadas artistas brasileiras e conhecer um pouco de sua história. O programa vai ao ar das 10h às 12h, na Rádio Educativa FM, emissora do Instituto Zumbi dos Palmares (IZP).

Nesta edição do Aplauso, o ouvinte vai embarcar na história de Elis, indo desde seu nascimento e infância até a vida com a família, os estudos e suas primeiras aparições nos programas de rádio e TV. O programa também fala da carreira, dos casamentos, dos filhos e de sua personalidade forte.

Os fãs vão se emocionar com as interpretações de Arrastão, Canção do Sal, Redescobrir, Aprendendo a Jogar, Casa no Campo, Fascinação, Maria Maria, Romaria, Cartomante, Corcovado, Upa, Neguinho!, O Bêbado e a Equilibrista, Aquarela do Brasil, Águas de Março, Retrato em Preto e Branco, Alô, Alô Marciano, Dinorah Dinorah, Canção da América, Travessia, Saudosa Maloca, Se Eu Quiser Falar com Deus e Viramundo, entre outras.

Elis Regina faleceu precocemente aos 36 anos de idade, no dia 19 de janeiro de 1982. Mesmo com 29 anos de sua morte, ela ainda é constantemente lembrada e reverenciada como umas das mais belas vozes que o Brasil já conheceu. Em sua curta existência, a Pimentinha, apelido que ganhou do poeta Vinicius de Moraes, deixou sua marca: suas discografias somam 35 títulos e inúmeros sucessos.

Tributo

Na próxima quinta-feira (19) acontece, às 21h, no Teatro Gustavo Leite o tributo Saudade de Elis, uma homenagem à cantora. O evento conta com Leureny e convidados; Cris Braun, Igbonan Rocha, Wilma Araújo, Elaine Kundera, Dydha Lyra, Fernanda Guimarães, Wilma Miranda, Junior Almeida, Irina Costa e Nara Cordeiro, com direção musical de Felix Baigon e direção cênica de José Marcio Passos. Mais informações: 9106-2665 e 9613-2595.

Primeira Edição © 2011