Vereador é agredido a golpes de facão ao chegar em Câmara

11/01/2012 14:19

A- A+

G1

compartilhar:

Um vereador de Afonso Cláudio, na região Serrana do Espírito Santo, foi agredido com golpes de facão pelo próprio assessor, nesta terça-feira (10). Adeilde Davel de Oliveira (PSD) levou os golpes, que atingiram suas mãos, quando chegava à Câmara de Vereadores.

Segundo o vereador agredido, o assessor se desentendeu com outra assessora e pediu que ela fosse demitida. "Eu disse que não poderia fazer isso, porque ela é assessora de bancada. Com isso, ele se descontrolou e me agrediu", conta Adeilde Davel.

O presidente da Câmara, o vereador Nilton Luciano de Oliveira (PP), disse ao G1 que a confusão aconteceu próximo à garagem da Casa. "Eu estava no meu gabinete atendendo quando ele chegou ensaguentado, pedindo ajuda. Pedi um rapaz para levá-lo ao hospital", diz o presidente da Câmara. Adeilde Davel de Oliveira foi socorrido e encaminhado ao hospital São Vicente de Paula, em Afonso Cláudio.

A polícia foi chamada e o assessor foi preso. Segundo informações da delegacia do município, ele prestou depoimento e foi liberado. O vereador agredido foi atendido no hospital e liberado na tarde de terça-feira. Na manhã desta quarta-feira, Adeilde Davel de Oliveira foi ao hospital Antônio Bezerra de Faria, em Vila Velha, na Grande Vitória, para avaliação médica nas mãos, nas quais houve cortes profundos.

Segundo o vereador, ele fará uma cirurgia no dia 23, no mesmo hospital. Ele afirmou também que vai prestar depoimento na Polícia Civil de Afonso Cláudio na tarde desta quarta-feira.
 

Primeira Edição © 2011