Caseiro vai a OAB para denunciar agressões sofridas em delegacia

Ele oficializa denúncias ao presidente da Comissão de Direitos Humanos

06/01/2012 08:50

A- A+

Redação

compartilhar:

O caseiro João Alfredo Santos, 34 anos, está na Ordem dos Advogados do Brasil, seccional Alagoas, para denunciar agressões sofridas na Delegacia Regional de Viçosa. Ele faz a denúncia ao presidente da Comissão de Direitos Humanos Gilberto Irineu.

João Alfredo foi preso na última quarta (04) por posse ilegal de arma de fogo, após esconder objetos de Judarley Oliveira, acusado de ter matado o modelo Eric Ferraz no reveillon em Viçosa.

A Polícia Civil afirma que ele foi espancado pelos outros presos. Após o episódio, João Alfredo foi colocado em outra cela.

O caseiro foi liberado ontem após o pagamento de fiança no valor de R$ 622. Ele responderá o processo em liberdade.
 

Primeira Edição © 2011