Cruzeiros: Temporada traz 32 mil turistas em janeiro

Primeiro navio do mês chega amanhã com mais de 3 mil cruzeiristas

03/01/2012 12:25

A- A+

Setur/AL

compartilhar:

Lotada de turista. É assim que a capital alagoana ficará no mês de janeiro com as chegadas dos cruzeiros. Só no primeiro mês do ano, mais de 32 mil turistas pisarão em solo alagoano para desfrutar das belezas naturais e da gastronomia local. No acumulado de janeiro, o Porto de Maceió recebe 11 navios.

A temporada de cruzeiros 2011/2012 começou em novembro do ano anterior e se estenderá até março de 2012. O primeiro navio do mês chega amanhã, o MSC Música com mais de três mil cruzeiristas a bordo. No próximo mês, cerca de 30 mil turistas visitam Alagoas. Já em março são esperados mais de 26 mil turistas.

De acordo com Danielle Novis, secretária de Estado do Turismo, o fluxo turístico para Alagoas tem aumentado nos últimos quatro anos, tanto aéreo, quanto de cruzeiros marítimo. “Esse resultado é um reflexo do bom momento por qual o destino está passando, com investimentos em divulgação, fortalecimento do produto e infraestrutura”, destaca.
‘Boom’ de cruzeiros impacta em diversos setores do segmento turístico alagoano

Segundo Afonso Dacal, presidente do Grupo de Receptivo de Alagoas (Gral), “Vejo a temporada como algo muito positivo, costumo dizer que os clientes de navios são os nossos clientes aéreos do futuro. É que o pouco tempo que eles param aqui serve apenas como um aperitivo, dai a volta é uma questão de tempo.

Dacal destaca a importância dos cruzeiros para nossa economia, “tenho acompanhado todas as excursões da empresa que trabalho e estou feliz com o que eles tem comprado, principalmente as peças do nosso artesanato”, afirma. Salientou ainda que a organização das empresas e o apoio da Setur e Semptur aumentarão ainda mais o número de navios na próxima temporada. E conclui: “Um fator importante na temporada é a grande tenda-receptiva que proporciona aos passageiros, conforto e abrigo do nosso maravilhoso sol”, elogia.

Para o Maceió Convention e Visitors Bureau, o impacto econômico para o estado é visível com o número de turistas que chegam na orla. Sem contar que é uma forma de divulgar o destino, porque o turista vivencia o Estado e ao ficar apenas por um dia, fica o gostinho de quero mais.
Já de acordo com o presidente da Associação Brasileira dos Bares e Restaurantes (Abrasel-AL), José Eutimio Junior, a chegada dos turistas para esta temporada é indiscutivelmente muito boa para Alagoas e, claro, para a Associação Brasileiras de Bares e Restaurantes do estado.

“O primeiro impacto não atingirá diretamente o setor de alimentação fora do lar, mas nossa expectativa é que estes turistas sejam bem recepcionados por nosso povo, se encantem com nossas belezas naturais,- o que não é difícil de acontecer-, e, principalmente tenham vontade de retornar à Maceió e aí sim, possam ter mais tempo para conhecer e degustar um pouco melhor a gastronomia do lugar, aumentando ainda mais o fluxo em nossos bares e restaurantes”, garante.

Temporada - A temporada de cruzeiros 2011/2012 é a maior realizada no Brasil e em Alagoas, o Porto de Maceió começou a movimentar o fluxo de turistas desde o dia 24 de novembro com o Grand Celebration, da Ibero, que abriu a temporada em Maceió.

Nessa temporada, segundo dados da Associação Brasileira de Cruzeiros Marítimos (Abremar), nove navios passarão pela cidade em 37 viagens, totalizando mais de 100 mil cruzeiristas na capital alagoana, Maceió. O número aumenta com os dados da empresa Irmãos Britto que confirmou mais quatro navios e cinco viagens nessa temporada, totalizando 13 navios e 42 chegadas.

Maceió receberá o Costa Fortuna, Costa Mágica, Costa Pacífica, Grand Celebration, Grand Holiday, Grand Mistral, MSC Música, MSC Orchestra, Ocean Dream, SplendourOff The Seas, Crystal Synphony, Artania e o Vitória. Na temporada 2010/2011, Maceió recebeu apenas 7 navios.

Primeira Edição © 2011