seta

762 postagens no blog

Arapiraca divulga programação para o Dia da Independência

05/09/2013 08:24

No dia em que se comemora a Independência do Brasil, neste sábado (7), a Prefeitura de Arapiraca estará realizando, durante toda a manhã, ações cívicas em honraria à República Federativa.

A partir das 7h30, a prefeita Célia Rocha (PTB) ao lado do vice Yale Fernandes (PMDB) estarão presentes à missa solene na Concatedral Nossa Senhora do Bom Conselho, no Centro da cidade.

Após a cerimônia religiosa, os soldados do Tiro de Guerra 07/015, do 3° Batalhão da Polícia Militar e o 7° Grupamento de Bombeiros Militar estarão em forma para hasteamento da bandeira nacional e revista das tropas para o início do desfile cívico.
Confira a sequência do desfile da independência:
1 – TG 07/015;
2 – 3° Batalhão da Polícia Militar;
3 – Pelotão Mirim;
4 – Corpo de Bombeiros Militar;
5 – Bombeiro Mirim;
6 – Grupo de Escoteiros Marechal João Batista Mascarenhas de Moraes;
7 – Ação Paramaçônica Juvenil (APJ);
8 – Associação dos Aposentados e Pensionistas de Arapiraca;
9 – Escola Pontes de Miranda;
10 – Escola Maçônica;
11 – Escola José Pereira Sobrinho;
12 – Escola Hugo Lima;
13 – Escola Domingos Lopes;
14 – Escola 31 de Março;
15 – Escola Pedro Suruagy;
16 – Escola Djalma Matheus Santana.
 

seta

Prefeitura de Arapiraca capacita multiplicadores para Semana de Trânsito

05/09/2013 08:23

A Prefeitura de Arapiraca, por intermédio da Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito (SMTT), as Secretarias Municipais de Saúde (SMS) e de Educação (Semed), reuniu representantes da sociedade civil organizada para capacitação sobre trânsito, na tarde desta quarta-feira (4), no auditório do órgão municipal de Trânsito.

Segundo Ricardo Teófilo, titular da SMTT, a parceria com a Saúde, vai capacitar universitários da Universidade Federal de Alagoas (Ufal), campus Arapiraca, e membros de outras instituições, além de representantes da sociedade civil organizada para a realização de palestras educativas durante a Semana Nacional de Trânsito, no período de 18 a 25 de setembro em Arapiraca.

“Estamos trabalhando focado nas parcerias para poder divulgar com mais intensidade as ações que a SMTT vem realizando ao longo do ano sobre educação no trânsito e fiscalização, atuando dentro da legalidade e na conscientização da sociedade para que tenhamos um trânsito mais seguro”, disse Ricardo Teófilo.

Na abertura dos trabalhos, ele apresentou um levantamento de ações, determinada pela prefeita Célia Rocha (PTB), no sentido de melhorar o aspecto da mobilidade urbana devido ao crescimento populacional da cidade e às questões relativas ao trânsito.

Com exemplo, o superintendente da SMTT destacou a ampliação da sinalização vertical e horizontal na cidade, a criação de binários com tráfego em sentidos diferentes entre ruas paralelas e a implantação do projeto ‘Vida na Faixa’, que prioriza o pedestre e harmoniza a relação entre os condutores de veículos no trânsito da cidade.

Palestra para multiplicadores

A equipe do Departamento de Educação para o Trânsito (DET) ministrou palestra sobre legislação de trânsito, prevenção de acidentes e direção defensiva e apresentou o tema da Semana Nacional de Trânsito 2013 que abordará “Álcool, outras drogas e a segurança no trânsito: efeitos, responsabilidades e escolhas”.

“Sabemos que é um trabalho intenso e de profunda conscientização para mudar os hábitos das pessoas no trânsito. Mas, essas ações em parceria com a Saúde já acontecem a algum tempo e temos tido resultados positivos”, declarou Neurício Oliveira, diretor do DET.

A diretora do programa ‘Promoção à Saúde’, da SMS, Fátima Ramalho, destacou o empenho dos multiplicadores que irão atuar em cinco comunidades de Arapiraca desenvolvendo um trabalho de conscientização em cima do tema acidente de trânsito.

Serão contempladas com as atividades educativas as comunidades da Primavera, Canafístula, Cavaco, Manoel Teles e Planalto, além de escolas de tempo integral da rede municipal de ensino.

“A partir desta reunião iremos montar um cronograma com uma série de atividades que serão apresentadas às comunidades durante a Semana Nacional de Trânsito”, relatou Fátima Ramalho.

Durante o mês de setembro, a SMTT também vai trabalhar em parceria com a Secretaria Municipal de Educação e realizar eventos dentro das escolas da rede municipal de ensino.

“A equipe do DET já firmou parceria com o Projovem Urbano para podermos apresentar essas ações nas escolas de tempo integral”, frisou o agente de trânsito Carlos Alberto Leão.

A enfermeira do Posto de Saúde do bairro Primavera, Poliana Maria Teixeira participou do encontro e atuará como multiplicadora da Prefeitura de Arapiraca naquela comunidade.

“Nosso trabalho vai facilitar a integração das ações do poder público com a comunidade porque já vivemos o dia a dia com todos eles. Vamos fortalecer a conscientização de um trânsito seguro com os jovens para que eles se tornem multiplicadores também com suas famílias”, disse Poliana Teixeira. 

seta

Prefeitura de Palmeira convoca mais 90 aprovados em concurso

05/09/2013 06:44

O prefeito de Palmeira dos Índios, James Ribeiro, assinou ontem mais uma convocação de aprovados no concurso público realizado em 2012.

Com essa chamada já são 340 pessoas convocadas para o ingresso no serviço público municipal.

Nesta quarta convocação foram chamados mais 90 novos aprovados que irão assumir cargos de administradores, assistentes sociais, psicólogos, médicos, professores, engenheiros, agentes de trânsito, entre outras funções.

De acordo com o prefeito James Ribeiro, a nova convocação permitirá a ampliação na área de projetos, uma vez que essa é uma demanda crescente no município, bem como também permitirá a ampliação de programas sociais, principalmente com o foco na criança e no adolescente.

Na área de saúde, a chamada inclui agentes comunitários, enfermeiras e técnicos de enfermagem para reforçar as ações no setor.

A Portaria foi assinada nesta quarta-feira, e deverá ser publicada no Diário Oficial do Estado (D.O.E) nesta sexta-feira (6). 

seta

Biblioteca Pública Cultural recém reformada em Traipu atrai estudantes

04/09/2013 12:36

Em janeiro deste ano a Prefeitura de Traipu reabriu sua Biblioteca Pública Cultural, que estava fechada desde o ano de 2001. De janeiro a agosto o centro de pesquisa passou por diversas reformas e adequações para melhor atender os estudantes, inclusive os portadores de deficiência física. A biblioteca funciona de segunda a sexta-feira e abre das 8h às 12:30, das 14h às 17:30 e das 18:30h às 21:30 com dois funcionários por turno.

A última mudança feita no centro de pesquisa foi a pintura de sua fachada por alunos do próprio município, que foram selecionados em um concurso de desenhos. “A ideia do concurso serviu para propagar nas escolas a reabertura da biblioteca e para aproximar os alunos desse ambiente de pesquisa. Ao todo, recebemos 108 desenhos e deles 30 foram selecionados”, explicou Jenner Glauber Torres, coordenador da Biblioteca Pública Cultural de Traipu.

Para Tercília Machado, secretária Municipal de Cultura, a reabertura do espaço é a realização de um sonho. “Esse fato é uma verdadeira conquista, pois não dá para imaginar um município sem biblioteca. Todos nós sabemos que os livros têm uma função extremamente importante na formação cidadã e cultural das pessoas, mas nem todos se dão conta de que a biblioteca possui todos os meios para este fim”, disse a secretária de Cultura.

Hoje a Biblioteca Pública Cultural de Traipu funciona com cerca de 1.300 livros, que restaram do acervo de 2001, e com seis computadores do Telecentro Comunitário do município, permitindo à população o uso gratuito dos equipamentos com acesso à internet. De acordo com Jenner Glauber Torres, novos livros foram solicitados ao Ministério da Cultura (MinC) e devem chegar ainda neste mês para incrementar o atual acervo.

“Para nós que estamos interessados em disseminar a cultura da pesquisa e da leitura, os livros que temos já representam um bom começo. Mas continuamos trabalhando para ampliar o acervo. Solicitamos um kit de modernização de bibliotecas públicas à Fundação Biblioteca Nacional, que é uma entidade ligada ao MinC, e fomos contemplados. Estamos aguardando apenas o caminhão, que já saiu do Rio de Janeiro (RJ), chegar com o material”, explicou o coordenador da Biblioteca Pública Cultural de Traipu.

Outros 46 municípios alagoanos também serão contemplados com o kit de modernização de bibliotecas públicas e aguardam a chegada dos livros, dos computadores e mesas doados pelo MinC. Para receber esse material os municípios cumpriram critérios e assumiram o compromisso de possibilitar o acesso da comunidade aos bens e serviços educativos e culturais.

Para a prefeita Conceição Tavares, essa é uma vitória do desafio de formar cidadãos conscientes e bem informados. “Pesquisas do governo federal realizadas nos últimos anos nos mostram uma relação clara entre o uso frequente desses espaços de estudo e o bom desempenho dos alunos. Então, não podíamos permitir que os nossos estudantes continuassem a crescer sem essa ferramenta essencial para os seus desenvolvimentos intelectuais”, pontua a prefeita.  

seta

Assentados de Maragogi celebram 10 anos de sucesso de cooperativa

03/09/2013 11:26

Trabalhadores assentados de Maragogi comemoraram, no último fim de semana, o aniversário de dez anos da Coopeagro, a Cooperativa dos Pequenos Agricultores Organizados, entidade que reúne famílias de 7 dos 18 assentamentos do município. A festa aconteceu na sede da cooperativa, na sexta-feira, e contou com a participação de assentados, lideranças locais e autoridades.

A superintendente do Incra, Lenilda Lima, esteve presente, participou das palestras e apresentações e visitou as instalações. Lenilda destacou a importância da cooperativa na vida dos assentados e no apoio à reforma agrária na região. “Defendemos e construímos uma reforma agrária que não se contenta em distribuir terras, mas em criar condições de desenvolvimento das famílias, com produção e comercialização; e, como parceira, a Coopeagro desempenha muito bem esse papel”, afirmou Lenilda.

A irmã Mirian Zendron, representante da Associação das Irmãs Filhas do Sagrado Coração de Jesus, incentivadora da cooperativa, apresentou dados que confirmam as melhorias obtidas pelos agricultores a partir da organização da entidade, que atualmente reúne 70 famílias de assentamentos do município.

Representantes da Petrobrás, apoiadora de alguns projetos da cooperativa, da Conab, que adquire a maioria dos produtos através do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), de empresários locais e de parlamentares compuseram a mesa da solenidade. 

O secretário-geral da Coopeagro, Rivaldo Vasconcelos do Rego, lembrou as dificuldades encontradas pelos trabalhadores desde a fundação da Coopeagro e apontou as conquistas. 

“Sabemos que ainda falta muita conscientização dos agricultores para que essa cooperativa cresça e seja um caminho para o desenvolvimento, mas acreditamos no crescimento cuidadoso desse trabalho e na ampliação do número de associados”, enfatizou o agricultor de 42 anos, que vive de seu lote com a mulher e dois filhos.

BOM JESUS

O próprio Rivaldo reconhece que, no começo, ele mesmo e muitos de seus companheiros do assentamento Bom Jesus tiveram dificuldade em abraçar o cooperativismo. “Mas os exemplos e o incentivo das irmãs apareceram e, aos poucos, a gente foi entendendo e participando”, afirma.
O assentamento Bom Jesus é uma referência na produção de frutas na região. É de lá que vem a maioria dos produtos que abastecem a fábrica de polpa de frutas da cooperativa, que chega a exportar seus produtos para outros estados. Ele credita isso a algumas especificidades do assentamento. “Das 105 famílias, 87 vieram de uma região do estado com tradição em agricultura familiar e fruticultura, o Agreste; as casas foram construídas nos lotes, que ajuda no cultivo dos produtos; e mais de 70% das famílias vivem dos lotes e não precisam de complementação de renda na cidade”. 

As 18 famílias assentadas que eram da própria região, de acordo com o líder cooperado, logo se sentiram incentivadas pela presença dos recém chegados e pelo apoio das religiosas. Esse processo se deu no final do século passado, no momento de criação do assentamento. O imóvel obtido pelo Incra abrigou dezenas de acampados que sofreram despejo nas proximidades de Arapiraca. “Dessa mistura – relembra o agricultor – nasceu uma união que deu certo”.

Rivaldo fala com tranquilidade quando explica que os dois filhos, Rivaldo Júnior, de 18 anos, e Rinelly, de 17, pretendem se manter na agricultura. O primeiro já se formou no curso técnico de agropecuária e a segunda está concluindo. Os dois participam ativamente no trabalho da cooperativa e ajudam sua família no lote até ganharem autonomia. “Não é fácil manter a juventude no campo; o que eu faço é provar para eles que tiro o sustento do lote; plantei 30 mil pés de abacaxi nesta safra e, junto com outros produtos, tenho renda suficiente para garantir o bem-estar da família”. 

Assim como outros assentados de Bom Jesus, Rivaldo vai criando uma cultura de cooperativismo que aponta um caminho viável para a reforma agrária. O município com o maior número de assentamentos da reforma agrária no estado solidificou sua história na monocultura da cana-de-açúcar. Ao analisar a situação da reforma agrária na região, Lenilda Lima reconhece que “o perfil desse assentado não é o de agricultor, mas de assalariado do campo”. A superintendente propõe investimentos em assistência técnica, a exemplo da chamada pública que está sendo preparada pelo Incra para a região. 

O exemplo da família de Rivaldo ultrapassa a questão agrária e tem repercussões culturais na vida da comunidade. Aproveitando a força da cultura de graviola, carro-chefe da fábrica de polpa, sua mulher é responsável pelo beneficiamento da pasta da graviola, oriunda do fruto que não atinge padrões estéticos de comercialização in natura, mas é utilizado para a polpa.

“É o trabalho dela, que gera renda para ela, sem que dependa de mim para nada; essa autonomia financeira é um exemplo que poderia ser seguido por outros, mas sei que isso tem que ser conquistado aos poucos”, afirma o agricultor.
 

seta

Primeira Edição © 2011