seta

655 postagens no blog

Ações em homenagem à Semana da Mulher-Maragogi

07/03/2017 14:22

A prefeitura de Maragogi começou as homenagens à Semana da Mulher nessa segunda-feira, 06. Logo no começo da manhã, a primeira-dama, D. Márcia Regina Fidelis, concentrou uma equipe de mulheres na Praça Batista Acioly, centro de Maragogi, e, juntas, realizaram uma “blitz”. Distribuíram panfletos didáticos sobre a Lei Maria da Penha, com o intuito de conscientizar as mulheres sobre seus direitos.

Dando prosseguimento, a secretária estadual da Mulher e dos Direitos Humanos, Cláudia Elizabeth Souza Simões, e a superintendente de Políticas para a Mulher, Anne Carolina Fidelis de Lima, deram palestra na UAB (Universidade Aberta do Brasil) polo Maragogi, cujo tema foi “Maria da Penha Vai à Escola”.

A palestra teve oficina com alunos, a fim de conscientizá-los sobre a importância da mulher na sociedade. Também minuciou a referida Lei, alertando principalmente as adolescentes sobre a necessidade de denunciar seus agressores.

Na plateia, representando o prefeito Sérgio Lira, estiveram presentes a secretária-executiva da Secretaria de Educação, Zita Verçosa, e o secretário de Assistência Social, Enildes Barbosa da Silva.

seta

Reconhecida situação de emergência em 23 municípios de Alagoas, Bahia e Minas Gerais

10/03/2017 15:53

Brasília-DF, 10/3/17 - Vinte e três municípios afetados pelo extenso período de seca e estiagem em Alagoas, Bahia e Minas Gerais foram reconhecidos com situação de emergência, nesta sexta-feira (10), pelo Ministério da Integração Nacional. Com a medida, as prefeituras passam a ter acesso às ações emergenciais da Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil (Sedec), para socorro, assistência e restabelecimento de serviços essenciais, como o abastecimento de água potável à população. A portaria de reconhecimento federal foi publicada no Diário Oficial da União.

As cidades contempladas são: Branquinha e Murici, em Alagoas; Adustina, Antônio Cardoso, Banzaê, Barra, Biritinga, Caém, Conceição do Coité, Coronel João Sá, Glória, Itanhém, Ichu, João Dourado, Santápolis, Sapeaçu, Umburanas, Vitória da Conquista e Sítio do Quinto, na Bahia; Januária, Manga, Mato Verde e São Francisco, em Minas Gerais.

Além de viabilizar o acesso aos programas de fornecimento de água tratada, como a Operação Carro-Pipa, o reconhecimento também permite que os municípios tenham direito a outros benefícios, como a renegociação de dívidas no setor de agricultura, a aquisição de cestas básicas e o apoio do Banco Nacional de Desenvolvimento (BNDES) para a retomada da atividade econômica nas regiões afetadas.

Acesse a portaria

 

seta

Prefeitura instala novo semáforo e sinalização está em funcionamento no Centro de Arapiraca

24/03/2017 12:35

O novo semáforo, no cruzamento das ruas São Francisco e Boa Vista, foi instalado na manhã desta sexta-feira (24) pela Prefeitura de Arapiraca, por meio da Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (SMTT), no Centro da cidade.

A substituição da sinalização foi uma determinação do prefeito Rogério Teófilo para manter a qualidade dos serviços de mobilidade urbana em Arapiraca e garantir segurança à população.

O antigo semáforo estava com a estrutura danificada, devido a um acidente de trânsito e mesmo sem ter o risco de cair, a recomendação foi de trocá-la por uma estrutura nova.

Engenheiros e técnicos dos departamentos de Engenharia de Tráfego e de Trânsito da SMTT trabalharam durante a manhã desta sexta-feira para instalar a sinalização semafórica, para garantir segurança no trânsito da cidade.

Agentes de autoridade de trânsito (ATT) monitoraram o tráfego de veículos no cruzamento das ruas São Francisco e Santo Antônio para evitar qualquer tipo de incidente, durante a instalação da sinalização.

O superintendente da SMTT, Jodelmeir Pereira de Souza, acompanhou todo o processo de instalação da nova sinalização para garantir um trabalho seguro e eficiente aos técnicos da SMTT, como também a condutores de veículos e pedestres que trafegam na localidade.

"As equipes da SMTT trabalharam incansavelmente para que esta nova sinalização pudesse ser instalada nesta sexta-feira e o trânsito nesta área permanecesse monitorado pela sinalização semafórica", afirmou Jodelmir de Souza.

Os serviços foram executados com a contribuição da Eletrobras com a equipe da ‘Linha Viva’, sem o desligamento da energia elétrica para não causar prejuízos aos comerciantes e moradores da região.

Estrutura inclinada

Com a coordenação do engenheiro de Tráfego da SMTT, Ricardo Lima, os técnicos de trânsito retiraram a estrutura inclinada do antigo semáforo na terça-feira (21) e em três dias conseguiram instalar o novo semáforo em tempo hábil.

"Mesmo com a antiga estrutura não apresentando risco de cair, nossas equipes foram ágeis na substituição da sinalização para garantir um trânsito seguro nesta via de acesso ao Centro de Arapiraca", disse Ricardo Lima.

seta

Governador autoriza licitação do Hospital Regional de Porto Calvo

30/03/2017 19:15

O governador Renan Filho autoriza a abertura do processo licitatório para a construção do Hospital Regional de Porto Calvo, nesta sexta-feira (30), às 11h30, no salão de despachos do Palácio República dos Palmares, no Centro de Maceió.

A construção da unidade hospitalar será referência para casos de urgência e emergência, atendimentos clínicos e materno e infantil para os pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS).

O hospital irá beneficiar a população dos municípios de São Luiz do Quitunde, Jacuípe, Matriz do Camaragibe, Passo do Camaragibe, São Miguel dos Milagres, Japaratinga, Porto de Pedras e Maragogi, que compõe a II Região de Saúde de Alagoas.

O Hospital Regional de Porto Calvo irá ofertar serviços de média complexidade em seus 110 leitos. Do total, 18 para maternidade, 15 de pediatria, 27 para a realização de cirurgias, 30 leitos de clínica médica, 10 para UTI adulto, 7 de UCI neonatal e 3 leitos para enfermaria canguru.

O valor estimado da obra é de R$ 37.964.311,17 para a construção. A unidade será construída em um terreno de 8.729,63 m².

Texto de João Victor Barroso

seta

Coração de Estudante em Jequiá da Praia

05/04/2017 15:53

Na última sexta-feira(31), o programa Coração de Estudante iniciou as atividades de 2017 no município de Jequiá da Praia, interior de Alagoas. Mais de 600 crianças foram atendidas, em idade escolar de 2 a 6 anos. O atendimento foi realizado na Unidade Básica de Saúde Augusto Celestino Santos, no centro da cidade e contou com a colaboração de médicos, residentes e estudantes de medicina do Hospital do Coração de Alagoas.

O projeto Coração de Estudante é uma iniciativa do Hospital do Coração de Alagoas, Sociedade Beneficente de Alagoas – CORDIAL e da Liga Acadêmica Cardiovascular, que tem como objetivo identificar cardiopatias congênitas nas crianças atendidas, visando tratar precocemente algum problema identificado.

Além das consultas, o projeto leva conhecimento com palestras sobre prevenção de acidentes domésticos e noções básicas de primeiros socorros aos pais e professores. “Um ótimo projeto, pois além do diagnóstico precoce, ele oferece toda assistência médica gratuita para tratamento pelo SUS” afirma Camila Patrícia, moradora da região.

Os estudantes diagnosticados com alguma cardiopatia são encaminhados à Casa do Coraçãozinho, ambulatório da CORDIAL/ Hospital do Coração de Alagoas, onde terão todo acompanhamento pelo SUS, mediante o programa de cardiopediatria do Governo do Estado. 

“Com imensa satisfação que eu agradeço ao Hospital do Coração de Alagoas e a CORDIAL, por esse lindo projeto que beneficiou os pequenos corações jequiaenses. Fico grata por essa parceria que trouxe saúde e informação a comunidade de Jequiá”, ressalta a prefeita Jeannyne Beltão.

Cardiopatia congênita

É uma anomalia na formação do coração da criança ainda no útero, podendo ser diagnosticado do nascimento até os 05 anos de idade.

Quanto mais cedo for identificado há mais chances de ter uma recuperação com sucesso.

Segundo dados da Sociedade Brasileira de Cardiologia, 23 mil crianças nascem com enfermidades cardíacas e 80% precisam fazer algum tipo de cirurgia durante o desenvolvimento.

 

Texto e foto: Ascom 

seta

Primeira Edição © 2011